Serginho Groisman recebe convidados especiais para comemorar o aniversário do ‘Altas Horas’Comente

Por Betão
Publicado em 4 de novembro de 2011 às 9:32am

Os jardins de vegetação nativa e a paisagem serrana do Instituto Inhotim, que fica na cidade de Brumadinho, em Minas Gerais, são o cenário do ‘Altas Horas’ especial, em comemoração ao 11° aniversário do programa.

Serginho Groisman comanda a atração com os artistas mineiros: Milton Nascimento, a banda Skank, a cantora sertaneja Paula Fernandes, o vocalista da banda Jota Quest, Rogério Flausino, e a mais nova cidadã mineira, Ivete Sangalo – ela recebeu o título de cidadã honorária em outubro. A gravação do programa, realizada no último dia 26, começou no final da tarde e contou com um bonito pôr do sol.
De acordo com o apresentador, o local foi escolhido por ser uma referência importante de cultura e natureza. Serginho ficou impressionado com as galerias de arte, o visual e o paisagismo de Roberto Burle Marx. “Inhotim é o lugar ideal para manter a nossa tradição de comemorar o aniversário do ‘Altas Horas’ em locais com história e personalidade”, comentou. Ele ainda explicou o porquê das atrações mineiras: “A ideia é celebrar a cultura do Estado. Os artistas são grandes parceiros do programa e cada um tem uma história ao longo destes 11 anos.”

O primeiro musical do especial reúne as cantoras Paula Fernandes e Ivete Sangalo para cantar “Quando a Chuva Passar”. Ivete aproveitou a presença da plateia para falar de seu novo título: “Sou mineira desde criança. Fiquei muito honrada. Adoro o povo mineiro e, principalmente, a comida. Sou louca por pão de queijo!”, brincou a cantora. Paula Fernandes dividiu com o público de aproximadamente 600 pessoas sua felicidade em participar do ‘Altas Horas’ em sua terra natal: “Estou muito contente em estar neste palco com grandes artistas. É uma grande responsabilidade”.

A banda Skank, que já participou de diversos aniversários do programa, fala sobre a parceria que mantém com o programa e com o apresentador. “Conheço o Serginho faz muito tempo, e ele é uma pessoa que coloca seus valores e crença em tudo o que faz. A pessoa sabe que, ao ver o ‘Altas Horas’, irá se conectar com um programa diferenciado. Por isso, sempre que podemos, prestigiamos o programa”, contou Samuel.

Milton Nascimento além de comemorar o aniversário do programa, festejou também seus 69 anos com bolo surpresa no palco. “Foi uma grande alegria ser convidado para este aniversário no mesmo dia que o meu”, disse. Rogério Flausino ainda acrescentou: “É aniversário do programa, mas o presente é nosso de poder fazer parcerias musicais inusitadas e ainda estar nesta festa”.

Os convidados aproveitaram o encontro para cantar em duetos, ou até mesmo, em um único coro. Milton Nascimento cantou com Rogério Flausino a música “Nada Será como Antes” e, com Ivete, o sucesso “Cravo e Canela”. O músico recebeu uma homenagem dos artistas presentes, que cantaram em uma só voz “Maria Maria” e “Coração de Estudante”. Além disso, todos fizeram questão de lembrar as canções de moda de viola e, em uma roda intimista, apresentaram “Seio de Minas”, “Jeito de Mato”, “Saudades da Minha Terra” e “Menino da Porteira”.

O aniversário

No ‘Altas Horas’ de aniversário, promover encontros musicais se tornou um clássico. Em 2009, o programa foi realizado em solo carioca, no Piscinão de Ramos, na zona norte do Rio de Janeiro. Já na sétima comemoração, Serginho Groisman levou sua arena para a Concha Acústica, em Salvador, onde recebeu artistas baianos que interpretaram a música de Tim Maia. No terceiro ano, o programa foi realizado na Sala São Paulo, na capital paulista, com a Jazz Sinfônica e músicos brasileiros. “Quando vamos celebrar o aniversário do programa, é sempre com música, porque ela é o porta-voz deste país e não há coisa que agregue mais”, afirma.

O Instituto Inhotim

O Instituto Inhotim foi idealizado pelo empresário Bernardo Paz em meados da década de 1980. Em 1984, o local recebeu a visita do renomado paisagista Roberto Burle Marx, que apresentou algumas sugestões e colaborações para os jardins. Desde então, o projeto paisagístico cresceu e passou por várias modificações. A propriedade particular foi se transformando com o tempo. Começava a nascer um grande espaço cultural, com a construção das primeiras edificações destinadas a receber obras de arte contemporânea. Ganhava vida também o rico acervo botânico, consolidado a partir de 2005 com o resgate e a introdução de coleções botânicas de diferentes partes do Brasil e com foco nas espécies nativas.

O ‘Altas Horas’ irá ao ar pela TV Globo Internacional no dia 05 de novembro nas Américas e Oceania, depois de ‘Sessão Brasil’. No dia 06 no Japão, após o ‘Jornal Nacional’. Na Europa, África e Oriente Médio, no dia 12, seguido de ‘Zorra Total’.

Comentarios

comentarios

Leia também