Em meio à falta de mão de obra, empresas oferecem serviços de cuidados infantis para atrair donas de casa

Para atrair e recrutar donas de casa que têm filhos pequenos, lojas de conveniência e restaurantes estão oferecendo serviços de creche.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Empresas na área do comércio estão instalando creches para atrair as donas de casa em meio à falta de mão de obra (imagem ilustrativa)

Operadoras de lojas de conveniência e restaurantes estão preparando instalações de cuidados infantis em um empenho para recrutar mais donas de casa e compensar a falta de mão de obra.

Publicidade

A Seven-Eleven Japan Co. abriu recentemente duas creches para filhos de funcionários, uma no distrito de Ota (Tóquio) e outra na província de Hiroshima. Ambas as áreas têm longas filas de espera para creches.

A creche em Tóquio foi instalada no segundo andar de uma loja de conveniência da Seven-Eleven.

“Encontrei uma creche para minha filha e um local de trabalho em um único lugar. É conveniente,” disse uma dona de casa de 32 anos do distrito de Ota, que participou da cerimônia de abertura da creche com sua filha de de 3 anos.

A empresa planeja discutir se vai estabilizar mais creches do tipo após examinar como as duas instalações são usadas, segundo representantes.

A Zensho Holdings Co., a operadora da rede de restaurantes de gyudon Sukiya, atualmente administra duas creches na província de Ibaraki.

A operadora de lojas de conveniência FamilyMart Co. começou uma nova campanha de recrutamento em setembro em que o presidente da empresa instruiu as donas de casa sobre as oportunidades de trabalho na rede.

A sessão, que foi realizada na província de Saitama, foi a primeira do tipo realizada pela empresa. Ela será seguida por mais reuniões do tipo em outros locais.

A FamilyMart, uma unidade da FamilyMart Uny Holdings Co., visa dobrar para 100 mil o número de donas de casa que trabalham a meio período na rede.

A McDonald’s Holdings Co, ofereceu às donas de casa oportunidades para trabalhar em cerca de 2.900 lojas em todo o Japão em uma base de testes.

A Yakult Honsha Co., que produz e vende produtos de ácido lático, vem sofrendo com a falta de funcionárias de entrega chamadas de “ Yakult Lady”, que consistem principalmente de donas de casa, devido a uma saída para outras indústrias.

A empresa está usando a internet para solicitar candidaturas de empregos, além de seu método mais convencional de usar cartazes. Ela também está dando destaque a 1.200 creches que ela opera em toda a nação.

Fonte: Japan Times, Jiji
Imagem: Bank Image

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Quioto é a cidade mais atraente do Japão e Hokkaido é a província top

Publicado em 12 de outubro de 2017, em Artigos de Turismo

Pesquisa anual sobre o valor da marca das cidades e províncias revela Quioto e Hakodate como as cidades mais atraentes do Japão.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Hokkaido é a província top enquanto Quioto (Templo Senso) é a cidade mais atrativa do Japão

O Instituto de Pesquisa de Marcas do Japão divulgou na terça-feira (10) o resultado da 12a. edição da pesquisa sobre as cidades e as províncias mais atraentes e charmosas.  

Publicidade

A posição de cidade top foi para Quioto (província homônima), seguida por Hakodate (Hokkaido). Pelo nono ano consecutivo Hokkaido foi considerada a província mais atrativa. Já a atratividade dos locais que obtiveram o registro de Patrimônio Cultural da Humanidade continua em baixa.

Kamakura é mais atrativa que Yokohama, ambas em Kanagawa

Quioto, a mais atraente

Quioto aparece como a cidade com maior atratividade pela segunda vez, desde 2013. A empresa de pesquisa analisa que a antiga capital japonesa seja atraente aos olhos do povo pelo seu alto poder de atração turística e valor histórico. Três cidades da província de Hokkaido aparecem entre as 10 mais belas. Confira o ranking das 10 mais:

  1. Quioto (província homônima)
  2. Hakodate (Hokkaido)
  3. Sapporo (Hokkaido)
  4. Otaru (Hokkaido)
  5. Kamakura (Kanagawa)
  6. Yokohama (Kanagawa)
  7. Kobe (Hyogo)
  8. Kanazawa (Ishikawa)
  9. Furano (Hokkaido)
  10. Yakushima (Kagoshima)

O espetáculo da natureza e a beleza da Ilha Yaku (Yakushima) atrai turistas de todo o país

A pesquisa revelou que cidades como Sendai (Miyagi), Hiroshima (província homônima) e Fukuoka (província homônima), capitais que possuem um papel central nas respectivas regiões, estão em ascensão. Sendai, por exemplo, passou da 25a. posição do ano passado para a 11a. este ano. Hiroshima saltou da 88a. em 2015 para 34a. posição em 2017.

E com Fukuoka ocorreu o mesmo, deixando a 21a. posição em 2015 para trás, chegando à 14a. este ano.

Nikko (Tochigi) e Naha (Okinawa) obtiveram o 12o. e 13o. lugares. Shibuya (Tóquio) perdeu uma posição para Nagoia (Aichi), ficando em 22a.

Ishikawa, em 8o., tem uma beleza diferente de Quioto e tão charmosa quanto a antiga capital

Hokkaido, a mais atraente entre as 47

Hiroshima ficou em 16o. lugar, Shimane em 27o., Shiga e Mie em 29o. e 30o., Gunma em 41o. e Ibaraki em última posição dentre as 47 províncias. Confira o ranking das 15 mais. 

  1. Hokkaido
  2. Quioto
  3. Tóquio
  4. Okinawa
  5. Kanagawa
  6. Nara
  7. Osaka
  8. Fukuoka
  9. Nagano
  10. Ishikawa
  11. Nagasaki
  12. Hyogo
  13. Miyagi
  14. Shizuoka
  15. Aichi

Os dados revelados pela pesquisa podem ajudar as pessoas a decidirem sua próxima viagem ou fazer um gourmet tour, onde querem residir no futuro e até para análise de negócios futuros.

A pesquisa foi realizada pela internet, entre 23 de junho a 14 de julho deste ano. O público entrevistado foi de 30.745 pessoas, na faixa etária entre 20 a 70 anos.

Para conferir o resultado clique aqui para o acesso em japonês.

Fonte: divulgação 
Fotos: Pixabay, Hatena e Wikimedia

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância