Fogo destrói caminhão na rodovia 22 em Aichi

Um caminhão sofreu incêndio na movimentada rodovia 22, na altura da cidade de Ichinomiya. Motorista se salva.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Flagrante enviado por um telespectador da emissora (ANN News)

Por um tempo a rodovia 22, na altura da cidade de Ichinomiya (Aichi) ficou interditada por conta de um incêndio no caminhão.

Publicidade

Pouco depois das 6h da manhã desta terça-feira (17), o próprio motorista do caminhão chamou pelo socorro. “Está saindo fogo pelos pedais”, teria dito.

Ele saiu do caminhão e esperou pelos bombeiros. O fogo consumiu o caminhão em poucos minutos, segundo o noticiário.

Cerca de 40 minutos depois de chegarem, os bombeiros contiveram as chamas. Mas, o caminhão teve perda total.

O caminhão de carga de congelados estava sendo dirigido por um homem de 64 anos, o qual não teve nenhuma lesão. Ele não transportava nenhuma carga nessa hora.

Um trecho da rodovia 22 ficou interrompido para tráfego por cerca de 2h30.

Os policiais estão investigando a origem do fogo.

Motorista se salva mas o caminhão foi totalmente consumido pelo fogo (ANN)

Fonte e fotos: ANN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Donald Trump fará primeira visita ao Japão

Publicado em 17 de outubro de 2017, em Sociedade

A visita do presidente americano Donald Trump ao Japão faz parte de um tour em cinco nações asiáticas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Shinzo Abe e Donald Trump apertam as mãos em um encontro no dia 17 de novembro de 2016 (Wikimedia/Government of Japan)

Donald Trump fará, a partir de 5 de novembro, sua primeira visita ao Japão desde que assumiu o cargo de presidente dos Estados Unidos em janeiro. Essa visita faz parte de um tour em cinco nações asiáticas, anunciou a Casa Branca na segunda-feira (16).

Publicidade

De acordo com fontes do governo japonês, a previsão é que Trump realize uma cúpula bilateral com o primeiro-ministro Shinzo Abe em 6 de novembro.

Trump também poderá se encontrar no mesmo dia com parentes de cidadãos japoneses raptados pela Coreia do Norte há algumas décadas, disseram fontes.

Os parentes dos raptados podem incluir os pais de Megumi Yokota, que foi sequestrada pela Coreia do Norte em 1977 aos 13 anos de idade, de acordo com fontes.

Trump mostrou forte interesse na questão do rapto em seu discurso no mês passado durante a Assembleia-Geral das Nações Unidas.

“Sabemos que ela (a Coreia do Norte) raptou uma doce menina japonesa de 13 anos que estava em uma praia em seu próprio país para escravizá-la como instrutora de idioma para espiões da Coreia do Norte,” disse Trump no discurso, aparentemente se referindo à Yokota.

Através do encontro com parentes daqueles que foram raptados pela Coreia do Norte, Trump espera compartilhar problemas com o Japão e confirmar a cooperação bilateral em relação à questão de rapto.

Além do Japão, Trump passará pela Coreia do Sul, China, Vietnã e Filipinas.

Fonte: Jiji
Imagem: Wikimedia

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância