Tóquio fica em terceiro lugar no ranking mundial de cidades

Tóquio se manteve na terceira colocação no ranking mundial de cidades. Veja mais.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A Global Power City Index 2017 (GBCI), instituição de estratégias urbanas, publicou o ranking da somatória de diversos aspectos de 44 cidades em todo o mundo. O GBCI analisa 6 campos distintos como economia, cultura e intercâmbio, moradia, entre outros, e soma os pontos obtidos por cada cidade.

Publicidade

A cidade de Tóquio se manteve no terceiro lugar enquanto Londres conquistou o primeiro pelo sexto ano seguido. Esta é a primeira vez que Tóquio se manteve no ranking e ultrapassou Paris. Além de Tóquio, as cidades de Fukuoka e Osaka também entraram no ranking, nos 37º e 26º lugares, respectivamente.

Segundo a instituição, Tóquio tem uma baixa pontuação no campo “cultura e intercâmbio” em comparação à Londres e Nova York. Contudo, devido à tendência de aumento do número de turistas e ao crescimento do serviço de voos internacionais, Tóquio recebeu uma alta avaliação na categoria “tráfego e acessibilidade”, diminuindo a distância com Nova York, que conquistou o segundo lugar.

Segundo o professor Hiroo Ichikawa da Faculdade de Pós-Graduação de Ciências Públicas de Universidade Meiji, responsável pela elaboração do ranking, há a possibilidade de Tóquio conquistar o segundo lugar. “Embora as Zonas Estratégicas Nacionais estejam em estado de estagnação econômica devido às revoluções de diversas regulamentações, caso diversas políticas avancem em prol das Olimpíadas de 2020, Tóquio pode conquistar o segundo lugar.”, disse o professor.

Ranking Top 5

1 – Londres
2 – Nova York
3 – Tóquio
4 – Paris
5 – Singapura

O que é o ranking geral das cidades do mundo?

O “ranking geral das cidades do mundo”, em tradução livre, pontua e ranqueia as “capacidades totais das cidades” em diversas áreas. Este ano, o ranking analisou 44 cidades em todo o mundo.

A pontuação é feita com base nas seguintes áreas: economia, pesquisa e desenvolvimento, cultura e intercâmbio, moradia, ambiente e tráfego e acessibilidade. Por exemplo, o índice do “tráfego e acessibilidade” analisa o número de passageiros em voos internacionais e nacionais, infraestrutura das vias públicas, conveniência do deslocamento para a escola e trabalho.

O ranking começou há 10 anos. Até o quarto ano, a cidade de Nova York ficou no primeiro lugar, contudo, desde o quinto ano, Londres ultrapassou Nova York e se manteve no topo. Até o ano retrasado, Tóquio conquistou o quarto lugar, mas ultrapassou Paris no ano passado e se manteve no terceiro lugar.

Embora a pontuação em determinadas áreas caiu, um dos fatores da boa colocação de Tóquio foi a “cultura e intercâmbio”. Entretanto, ainda há uma grande distância em comparação à Londres e Nova York.

Para diminuir essa distância, Tóquio pretende tomar uma postura mais agressiva a fim de atrair turistas estrangeiros para as Olimpíadas e Paralímpiadas de Tóquio daqui a 3 anos com o famoso “omotenashi” japonês.

Fonte: NHK News

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Homem é preso por bater em candidato durante discurso em Chiba

Publicado em 14 de outubro de 2017, em Política

O candidato fazia um discurso em frente à estação de Kashiwa quando foi agredido pelo homem.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A estação de Kashiwa em Chiba (imagem ilustrativa -Wikimedia/Nesnad)

Na quarta-feira (11) a polícia prendeu um homem de 66 anos pela suspeita de violar a Lei de Eleição Pública após ter agredido um candidato, que disputa na eleição de 22 de outubro da câmara baixa, enquanto ele fazia um discurso público na cidade de Kashiwa (Chiba).

Publicidade

De acordo com a polícia, Yoshio Amano se aproximou de Yoshitaka Sakurada, que estava fazendo campanha em frente à estação de Kashiwa por volta das 19h e bateu em sua cabeça, divulgou o Sankei Shimbun.

Funcionários que estavam no local contiveram Amano e chamaram a polícia.

Sakurada, membro do Partido Liberal Democrático (PLD) do Japão não ficou ferido.

Membros da equipe de Sakurada disseram que, aparentemente, Amano estava embriagado no momento do incidente e que o político não o conhecia.

Fonte: Japan Today
Imagem: Wikimedia

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância