Brasileira desaparecida em Shizuoka

Universitária brasileira, da cidade de Kosai, está desaparecida desde terça-feira. A polícia está fazendo a busca, mas a mãe pede colaboração à comunidade.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Universitária brasileira de Washizu (Shizuoka) desaparecida desde terça-feira, 31 de outubro (fotos cedidas)

A universitária brasileira Djheiny Kuriyama, 20 anos, residente em Washizu, na cidade de Kosai (Shizuoka) está desaparecida desde terça-feira (31).

Publicidade

Segundo a mãe, ela estava vestida com uma blusa azul, casaco beige e calça preta. Ela tem 1,72 m de altura e cabelos pretos. Uma outra característica é que a jovem brasileira é tímida. Na terça-feira Djheiny deixou a mãe na clínica, às 14h50, e mais tarde entraria no trabalho, às 16h.

Por volta das 16h50, o chefe foi até a casa da família procurando por ela. “Minha filha nunca faltou ao trabalho e tudo ela nos comunica ou teria ligado. Por isso o chefe veio até aqui. Ele foi à polícia também”, declarou a mãe, Maria Kuriyama.

No mês passado Djheiny teria aberto uma conta na rede social Line. “A partir daí começou a receber mensagens estranhas. Ela mostrou para o pai. Meu marido viu e foi até o posto policial”, conta a mãe. “Eram mensagens em japonês, parecendo ser de aliciadores”, relata.

A recomendação da polícia foi trocar o número do smartphone. E isso foi feito na segunda-feira (23), junto com o pai. “Por um tempo ela estava tranquila, mas nos disse que tinha a sensação de estar sendo perseguida”, conta a mãe.

Por conta disso, a recomendação dos pais foi que ela usasse o carro para ir trabalhar, mesmo sendo próximo de casa. Na terça-feira ela dirigia o veículo Serena, para ir ao trabalho. A mãe não sabe o que ocorreu no trecho entre a clínica onde foi deixada até o trabalho.

A polícia tem mantido a família informada das ações, mas até as 10h desta quinta-feira (2) ainda não há notícia dela. A localização da filha pelo smartphone está difícil, pois está desligado ou sem bateria.

O apelo da mãe é que se alguém vê-la ou encontrá-la, por favor, ligue para ela. O telefone para contato é 090-6469-4499, com Maria. Ou, pode enviar uma mensagem para ela, através do seu perfil no Facebook: https://www.facebook.com/maria.kuriyama.5

Atualização no sábado (4): a mãe informou que sua filha foi encontrada pela polícia. Ela está bem, mas não pode contar os detalhes a pedido das autoridades. A mãe agradece pelo apoio. 

Foto: cedida

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Dole Japan faz recall de 9 mil pacotes de bananas das Filipinas

Publicado em 2 de novembro de 2017, em Saúde, Bem-Estar e Cotidiano

Durante uma inspeção na fábrica da Dole Japan, um pequeno pedaço de metal foi encontrado dentro de uma unidade de banana.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

 

Publicidade

A fruta sujeita ao recall está sendo vendida em supermercados e quitandas em todo o Japão (ANN/reprodução)

A Dole Japan Inc., uma produtora de frutas e vegetais, informou na quarta-feira (1º) que fará o recall de nove mil cachos de bananas embaladas vindas das Filipinas devido a temores de alteração.

A empresa encontrou uma espécie de metal de aproximadamente 3cm de comprimento dentro de uma unidade de banana durante inspeção voluntária em sua instalação na cidade de Kawasaki (Kanagawa) no dia 27 de outubro.

A companhia relatou o incidente à polícia local, acreditando que alguém nas Filipinas inseriu o objeto na banana. A fruta sujeita ao recall está sendo vendida em supermercados e quitandas em todo o Japão.

Em um segundo caso de possível adulteração de alimento, a Dole Japan recebeu uma queixa por telefone na segunda-feira (30) de um consumidor da província de Aichi que disse ter encontrado um pedaço de metal quando foi comer uma banana. O cliente não sofreu ferimentos e nenhum outro problema de saúde foi relatado.

“Pedimos nossas sinceras desculpas por causar inconveniência e preocupação”, disse a empresa em uma declaração.

Confira aqui (em japonês) mais informações, como número de série da fruta sujeita ao recall e telefone para informações.

Fonte: Japan Times, Kyodo
Imagem: ANN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância