Suicídio no Japão em queda pelo oitavo ano consecutivo

Em 2017 foram 757 pessoas a menos que no ano ano anterior. A incidência é bem maior entre os homens.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Agência Nacional de Polícia divulgou os números oficiais de 2017, os quais mostram declínio

Foram 21.140 pessoas que tiraram a própria vida no ano de 2017, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira (19) pela Agência Nacional de Polícia. Houve redução de 3,5% em relação ao ano anterior e, pelo oitavo ano consecutivo, apresentou declínio.

Publicidade

O pico foi em 2003, ano que teve 34.427 vidas autodestruídas. Comparando com esse ano o índice de 2017 representa 61%. Por outro lado, se houve queda de suicídios de adultos, teve leve aumento das pessoas com idade inferior a 20 anos, segundo levantamento do Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar.

A grande maioria é do sexo masculino e o pico foi em 2003, conforme mostra o gráfico (NHK)

Pessoas do sexo masculino são maioria – 70%.

A proporção é de 16,7 para cada 100 mil pessoas, a menor desde 1978 quando se iniciaram as estatísticas.

As províncias com inverno rigoroso são as com maior proporção como de 24,2 em Akita, 22,1 em Aomori e 21,9 em Yamanashi. As perdas maiores foram nas faixas etárias de 40 a 69 anos.

Nas causas mais frequentes são vistos problemas de saúde, seguidos de questões econômicas e de subsistência, além dos problemas dentro da família.

O ministério informou que prossegue com medidas preventivas para evitar o suicídio entre os jovens, usando os escritórios regionais e as redes sociais. E também continua com as medidas de prevenção com o apoio das prefeituras pois em relação aos países desenvolvidos o índice do Japão, apesar da queda, ainda é alto.

Fontes: NHK e Asahi
Foto e gráfico: Wikimedia e NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Epidemia da influenza em Shizuoka: 2 mortes

Publicado em 19 de janeiro de 2018, em Sociedade

Shizuoka está com nível alarmante da epidemia da influenza, o que preocupa as autoridades locais. Escolas dão folga e o governo pede colaboração do povo.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Lavar bem as mãos e uso de máscara para prevenção da influenza (SBS TV)

A epidemia da influenza em Shizuoka preocupa as autoridades locais por ter chegado no nível alarmante. Em um hospital da cidade de Gotenba 7 pacientes foram diagnosticados com influenza. Duas mulheres na faixa etária dos 80 e 90 morreram. Todos os diagnosticados estavam com vírus do tipo B.

Publicidade

O governo da província realizou reunião extraordinária na quinta-feira (18) para pedir controle da epidemia.

Somente no dia 18 mais 36 escolas primárias e 18 ginasiais anunciaram folga para evitar a proliferação do vírus.

As escolas da província estimulam os alunos a fazerem gargarejo e reforçam a importância de lavar bem as mãos.

O nível de alerta é dado quando o número de pacientes infectados chega a 30 por médico. Na província de Shizuoka a proporção chegou a 39,76 para um no período de 8 a 14 deste mês, ultrapassando para alarmante. Foi um salto de 22,58 pacientes para 1 médico para quase 40/1 em uma semana.

O governo pede colaboração da população para não permitir que essa proporção cresça ainda mais. Clama pelo uso de máscara e lavagem das mãos corretamente.

Fontes: SBS TV e NHK
Foto: SBS TV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância