Osaka receberá cúpula do G20 em 2019

O G20 é um grupo formado pelos ministros de finanças e chefes dos bancos centrais das 19 maiores economias do mundo, mais a União Europeia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Reunião da Cúpula do G20 realizada em 2017 na Alemanha (Wikimedia/Presidential Press and Information Office)

O governo japonês decidiu realizar a Cúpula do Grupo dos 20 – G20 – em 2019 na província de Osaka. Essa será a primeira vez que o Japão sediará a reunião de cúpula.

Publicidade

Segundo divulgou a NHK, o governo tomou a decisão após conduzir uma pesquisa sobre municípios candidatos considerando fatores como capacidade de acomodar líderes e oficiais do exterior, além de questões de segurança.

Em 1995, Osaka sediou a cúpula da APEC.

O governo está planejando realizar a cúpula do G20 em Osaka entre o final de junho e o início de julho do próximo ano.

Oficiais do governo também estão considerando realizar uma reunião dos ministros das finanças e governadores do banco central do G20 na cidade de Fukuoka.

Nas reuniões de cúpula do G20, participam os líderes dos 19 países e da União Europeia. Nas reuniões de nível ministerial, participam os respectivos ministros das finanças e presidentes de bancos centrais.

Os países que compõem o G20 são Argentina, Austrália, Brasil, Canadá, China, França, Alemanha, Índia, Indonésia, Itália, Japão, México, Rússia, Arábia Saudita, África do Sul, Coreia do Sul, Turquia, Reino Unido e Estados Unidos, além da União Europeia.

Fonte: NHK
Imagem: Wikimedia

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Trabalhador perde braço em indústria de carne em Gunma

Publicado em 21 de fevereiro de 2018, em Acidentes

Dono da indústria de processamento de carnes foi indiciado por causa do acidente que provocou a perda do braço do trabalhador.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Trabalhador da indústria de processamento de carnes perdeu o braço no acidente de trabalho (imagem ilustrativa)

A Delegacia de Inspeção de Normas Trabalhistas de Maebashi (Gunma) encaminhou o dono de uma indústria de processamento de carnes para a promotoria, na terça-feira (20).

Publicidade

O dono da empresa de processamento de carnes, Naganuma Shoten, 60 anos, de Isezaki (Gunma) é suspeito de violação da Lei de Segurança e Saúde no Trabalho.

Segundo informações, em 20 de outubro do ano passado, um trabalhador do sexo masculino, na faixa dos 20 anos, operava a máquina de moer carne. Há suspeita de que não havia medidas necessárias para a preservação da segurança, por isso o trabalhador sofreu o acidente. 

Embora houvesse perigo em tocar na parte em movimento, onde se coloca a carne, normalmente se operava sem uma tampa ou dispositivo na boca onde se introduz a carne a ser moída. Assim, o trabalhador acabou envolvendo seu braço direito no equipamento de moer carne, sofrendo amputação.

Fonte: Sankei News

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância