Assalariado é preso por levar ginasial para morar com ele

Um homem japonês, assalariado, foi preso sob suspeita de levar ginasial para morar na casa dele. Eles se conheceram por uma rede social em janeiro.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Legoland: família de mãe ou pai solteiro poderá se divertir de graça

Publicado em 6 de março de 2018, em Sociedade

A iniciativa é uma parceria com a prefeitura de Nagoia, para permitir o ingresso gratuito da família monoparental, 1 vez por ano.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Famílias monoparentais poderão ter um dia de lazer, como convidados, no parque temático Legoland (Photozou)

O parque temático Legoland, situado em Nagoia, está considerando proporcionar lazer gratuito, uma vez por ano, às famílias monoparentais, a partir desta primavera.

Publicidade

O projeto está na fase final, em parceria com o órgão de apoio da prefeitura de Nagoia (Aichi), para que as famílias de pai solteiro ou mãe solteira possam se divertir com os filhos, totalmente de graça.

A prefeitura de Nagoia está considerando bancar 3,2 mil ienes por pessoa, seja para a hospedagem ou para o ingresso. A outra parte seria custeada pela família beneficiada.

Os preços dos ingressos são de 6,9 mil para adultos e 5,3 mil para crianças. O departamento de relações públicas disse para o jornal Asahi, desta terça-feira (6), que “gostaria de receber as crianças que não poderiam vir por questões financeiras”. Assim, ao invés da família arcar com o restante do custo, o parque temático disse que assumirá o restante.  

O órgão de apoio da prefeitura funciona desde 1979. No ano de 2016 foram 1.760 pessoas, de 697 famílias, beneficiadas com esse programa. Nos últimos anos, com o declínio da taxa de natalidade e com o aumento de renda das famílias, tem caído o número de beneficiários.

A definição do programa para beneficiar as famílias monoparentais e de baixa renda uma vez ao ano deverá ser anunciada em breve.

Fonte: Asahi 
Foto: Photozou

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância