Assalariados indiciados por caça furtiva

Pescador estranha a presença deles e aciona polícia. Os 3 assalariados pescaram quase 20Kg de lagostas avaliadas em 280 mil ienes.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Kim Jong-un se compromete a amenizar tensões militares com a Coreia do Sul

Publicado em 6 de março de 2018, em Ásia

A reunião entre Kim e a delegação de representantes do presidente sul-coreano Moon Jae-in ocorreu “em uma atmosfera amigável e sincera”, disse a KCNA.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A reunião ocorreu “em uma atmosfera amigável e sincera”, disse a KCNA (ANN/reprodução)

Na segunda-feira (5), o líder norte-coreano Kim Jong-un prometeu se preparar para uma reunião de cúpula com a Coreia do Sul, demonstrando vontade em amenizar as tensões militares durante discussões com representantes especiais de Seul, divulgou a mídia oficial da Coreia do Norte nesta terça-feira (6).

Publicidade

Contudo é incerto se as preocupações com a segurança vão diminuir na região Ásia-Pacífico, visto que Pyongyang ainda está disposta a prosseguir com o desenvolvimento de mísseis balísticos que podem atingir os EUA.

Kim “fez uma troca de opiniões profundas sobre as questões para amenizar as intensas tensões militares na península coreana e ativar o diálogo versátil, contato, cooperação e troca”, disse a KCNA- Agência Central de Notícias da Coreia.

A reunião entre Kim e a delegação de representantes do presidente sul-coreano Moon Jae-in ocorreu “em uma atmosfera amigável e sincera”, disse a KCNA.

Primeira conversa direta desde 2011

Essa foi a primeira vez que Kim realizou conversas diretas com oficiais da Coreia do Sul desde o dia em que se tornou o líder supremo da Coreia do Norte, após a morte de seu pai Kim Jong- il em 2011.

Kim “deu instruções importantes a campos relevantes para tomar medidas práticas rapidamente para isso”, frisou a KCNA, enquanto Moon pediu à Coreia do Norte que retomasse o diálogo com os Estados Unidos como condição para uma cúpula intercoreana.

Enquanto as duas Coreias tecnicamente continuam em guerra após o término da Guerra Corana em 1950-1953 em um cessar-fogo, seus líderes realizaram discussões formais apenas duas vezes, em 2000 e 2007.

“Diplomacia do sorriso”

Alertando contra a “diplomacia do sorriso”, oficiais do governo japonês disseram que o país continuará colocando pressão máxima sobre Pyongyang.

Tóquio demonstrou preocupação de que Pyongyang está tentando enfraquecer as sanções internacionais contra ela ao acolher a Coreia do Sul, conseguindo mais tempo para avançar com suas tecnologias nucleares e de mísseis.

Fonte: Kyodo
Imagem: ANN

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância