O que usar para frango karaaguê magro e rápido, sem fritura (vídeo)

O frango karaaguê caiu no gosto da população mundial. Mas a preocupação é com as calorias. Saiba que tem um jeitinho especial e barato, sem fritura!

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Se gosta de karaaguê de frango, aprenda a preparar com 1 segredo para ficar magro, pois não é frito no óleo (divulgação)

A receita típica do Japão – karaaguê de frango – conquistou pessoas do mundo todo. Mas fica a preocupação com as calorias. Para resolver isso uma empresa lançou um produto útil e barato, muito usado pelas donas de casa do país. Não é novo, existe desde 2014.

Publicidade

Mas, primeiro será apresentada a receita fácil. É para uma coxa de frango desossada ou cerca de 240 gramas. Se quiser mais basta multiplicar a receita, sem ovo e sem farinha de trigo.

Ingredientes A

  • 1 coxa de frango cortada em cubos de 5 a 6 cm, com pele
  • 1 ½ colher de sopa de shoyu
  • 1 colher de chá de saquê
  • 1 colher de chá de gengibre ralado

Ingredientes B

  • 2 colheres de sopa de amido de batata ou de milho
  • 2 colheres de chá de óleo de cozinha ou azeite

Modo de preparar

  1. Em uma tigela coloque todos os ingredientes A e deixe de molho por pelo menos 15 minutos para temperar o frango
  2. Pegue um por um dos pedaços de frango que estão de molho e seque-os com papel toalha
  3. Em um saco plástico coloque primeiro o amido de batata ou milho
  4. Coloque os pedaços secos dentro do saco plástico com o amido
  5. Feche a boca do saco plástico e agite bem para que o amido envolva todos os pedaços
  6. No mesmo saquinho, abra-o e coloque as colheres de óleo, feche a boca e agite mais uma vez

Produto útil para o karaaguê magro

Agora, aqui entrar o produto a ser apresentado. Chama-se クックパー・レンジで唐揚げトレー, lê-se kukkupaa renji de karaage toree, da fabricante Asahi Kasei. Ele pode ser encontrado nos supermercados, nas lojas online da Amazon ou Rakuten e até no Daiso. O preço varia de 260 a 350 ienes.

Cada embalagem vem com uma bandeja ondulada e 6 folhas. Pegue a bandeja, coloque-a sobre o prato de porcelana, cubra a bandeja com uma das folhas.

Pegue cada um dos pedaços de frango e disponha sobre a bandeja com a ajuda de um hashi. Disponha-os de forma a não encostar um no outro.

Leve ao forno de micro-ondas, sem cobrir. Se seu forno é de 500W programe 6 minutos. Se é de 600W bastam 5 minutos.

Produto: vem em embalagem com 1 bandeja e 6 folhas descartáveis (divulgação)

Karaaguê magro para toda a família

Enquanto assa, pegue uma travessa ou prato, decore com folhas e alface, tomate e fatias de limão.

Quando sair do forno, basta colocar os pedaços de frango, um por um, e colocá-los na travessa.

Verá que a folha ficou com bastante óleo entre as ondulações. Descarte só a folha pois a bandeja poderá ser lavada e usada para próxima vez.

Outras variações são karaaguê de asinhas ou coxinha da asa do frango. Nesses casos, se não quiser karaaguê basta temperar com sal e pimenta do reino a gosto e levar ao microondas.

Assista ao vídeo do fabricante e veja o passo a passo, muito fácil e prático.

Fonte, foto e vídeo: divulgação

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Sobreviventes da bomba atômica, residentes no Brasil, visitam Hiroshima

Publicado em 12 de abril de 2019, em Sociedade

Os representantes da Associação da Paz do Brasil visitaram o governador de Hiroshima para agradecer pelo serviço gratuito de tratamento no hospital.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Bonkohara, residente no Brasil, e o governador Matsui, à dir. (RCC TV)

A partir deste mês os sobreviventes da bomba atômica de Hiroshima e Nagasaki, que residem no Brasil, não precisam mais pagar pela consulta e despesas hospitalares.

Publicidade

Até então, para fazerem a consulta e exames precisavam pagar, apresentar o recibo na província para serem ressarcidos posteriormente.

O novo serviço está sendo oferecido pelo Enkyo-Beneficência Nipo-brasileira, em São Paulo. Em agradecimento por isso uma comitiva visitou o governador de Hiroshima, em 10 deste mês.

“Nossa pátria continua olhando por nós”

O representante do presidente da associação Kunihiko Bonkohara e a vice Junko Watanabe proferiram palavras de agradecimento.

“Da mesma forma que os sobreviventes da bomba atômica que residem no Japão, podemos ir ao hospital no Brasil receber tratamento. Tornou-se um apoio emocional aos poucos que passaram pelo drama. A nossa pátria continua olhando por nós”, agradeceu o representante.

Ao ouvir o pronunciamento o governador Kazumi Matsui teve que usar o lenço para secar as lágrimas de emoção. “Queria ter feito isso antes”, respondeu.

Fora do Japão, em 31 países, há 3.123 sobreviventes e no Brasil são 90, em terceiro lugar, depois da Coreia do Sul e Estados Unidos.

Fontes: RCC TV e Asahi 

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência