Diminui o número de crimes no Japão

Menos casos de roubo graças aos esforços de prevenção de crimes por governo locais e voluntários, e o uso aumentado de câmeras de segurança.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

(Imagem ilustrativa/PM)

O número de crimes reconhecidos pela polícia no Japão em 2019 caiu 8.4 por cento ante o ano anterior para 748.623, atingindo uma baixa pós-guerra pelo 5º ano consecutivo, disse a Agência Nacional de Polícia – ANP na quinta-feira (6).

Publicidade

O número anual caiu por 17 anos consecutivos, de acordo com um relatório preliminar realizado pela agência.

O declínio refletiu principalmente uma queda no número de casos de roubo graças aos esforços de prevenção de crimes por governo locais e voluntários, e o uso aumentado de câmeras de segurança.

Enquanto casos especiais de fraude tenham diminuído 5,6 por cento para 16.836, o país viu muitos casos em que os infratores invadem as casas de seus alvos para roubar após fligarem para eles a fim de verificar a situação dos patrimônios, de acordo com a pesquisa.

A ANP também disse que o número de jovens de 17 anos e mais novos encaminhados pela polícia japonesa a centros de proteção à criança em todo o país como vítimas suspeitas de abuso atingiu uma alta recorde de 97.842, alta de 21.9 por cento.

O número cibercrimes em que a polícia tomou ação chegou a 9.542, o nível mais alto e aumento de 5.6 por cento.

Fonte: Jiji

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Avião sai da pista em aeroporto e se parte em três na Turquia

Publicado em 6 de fevereiro de 2020, em Notícias do Mundo

O Boeing 737 estava tentando aterrissar em meio à forte ventania e chuva.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Uma avião da companhia aérea low cost Pegasus Airlines (PM)

Um avião de passageiros que estava aterrissando em um aeroporto de Istambul, Turquia, na quarta-feira (5) saiu da pista e se partiu em três, causando a morte de pelo menos 3 pessoas com mais de 150 feridos, dizem oficiais.

Publicidade

O avião da Pegasus Airlines estava transportando 171 passageiros e seis membros da tripulação da província de Izmir no oeste quando o acidente ocorreu no Aeoroporto de Sabiha Gokcen.

O Boeing 737 estava tentando aterrissar em meio à forte ventania e chuva.

O aeroporto foi fechado e voos redirecionados após o acidente.

A mídia do país disse que a maioria das pessoas a bordo eram turcas, mas também havia cerca de 20 cidadãos estrangeiros.

“Infelizmente o avião da Pegasus Airlines não conseguiu se manter na pista por causa das más condições do clima e derrapou por cerca de 50 a 60 metros”, disse o governador de Istambul, Ali Yerlikiya.

Ele disse que o avião então caiu entre 30 a 40 metros fora da extremidade final da pista.

Imagens em vídeo mostraram passageiros escalando uma das grandes rachaduras para escapar por uma das asas e dezenas de membros da equipe de resgate trabalhando em volta da aeronave.

Outras imagens na mídia social mostraram um incêndio dentro da aeronave, que depois foi contido pelos bombeiros.

O Ministro dos Transportes Mehmet Cahit Turhan disse que autoridades ainda não haviam conseguido falar com os pilotos, um cidadão turco e outro sul-coreano, os quais acreditam-se terem ficado feridos no acidente.

A promotoria pública de Istambul abriu uma investigação.

A low cost Pegasus Airlines tem uma frota de 85 aeronaves – 47 aeronaves Boeing e 38 Airbus – e vem atuando há 20 anos.

Um Boeing 737 da Pegasus vindo de Sahrjah nos Emirados Árabes Unidos saiu da pista no mesmo aeroporto em 7 de janeiro deste ano. Não houve vítimas, mas o aeroporto teve que ser temporariamente fechado.

E um Boeing 737 da Pegasus também saiu da pista no aeroporto de Trabzon em janeiro de 2018. Não houve vítimas.

Fonte: BBC

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância