Jardim em Shimane é classificado o melhor no Japão pelo 17º ano consecutivo

Os rankings são determinados por um comitê de especialistas em jardinagem, cobrindo pelo menos 900 jardins em todo o país.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O jardim do Museu de Arte de Adachi em Shimane é classificado o melhor no Japão (PM)

O jardim do Museu de Arte de Adachi na cidade de Yasugi (Shimane) foi classificado o melhor do Japão pelo 17º ano consecutivo em 2019 pelo Journal of Japanese Garden, uma publicação dos EUA.

Publicidade

De acordo com a publicação, o jardim do museu está entre os 7 da província de Shimane que ficam entre os 50 melhores no Japão.

Os rankings são determinados por um comitê de especialistas em jardinagem, cobrindo pelo menos 900 jardins em todo o país.

De acordo com o museu, ele começou a criar o jardim em 1968 e levou cerca de 15 anos planejando sua forma básica. O jardim abrange uma área de cerca de 165 mil metros quadrados e inclui uma cadeia de montanhas que ofusca o local para servir como “shakkei”, um cenário emprestado.

Sete jardineiros trabalham exclusivamente para manter o local.

O Katsura Imperial Villa em Quioto ficou em 2º na lista, enquanto o Minamikan ryokan em Matsue, também em Shimane, ficou com a 3ª posição.

Os outros 5 jardins na província de Shimane que ficaram entre os 50 melhores no Japão incluíram o Yushien em Matsue (25º), o Hotel Chorakuen de Yonosuke, também na capital provincial (28º) e o Kokou-ji em Izumo (29º).

Fonte: Asahi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Começa o grande Festival da Neve de Sapporo em locais principais

Publicado em 4 de fevereiro de 2020, em Sociedade

O Sapporo Yuki Matsuri deste ano começa em meio a preocupações com o coronavírus e escassez de neve.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Escultura de neve da Catedral de Helsinque no Parque Odori (foto do festival 2019/PM)

O Festival da Neve de Sapporo começou em dois locais principais nesta terça-feira (4), em meio a preocupações com o coronavírus e escassez de neve.

Publicidade

O festival, em sua 71ª edição, começou no Parque Odori e em Susukino. Um local menor, o Tsudome, abriu em 31 de janeiro.

Um total de 200 esculturas de neve e de gelo está em exibição. Os destaques incluem cinco esculturas gigantes de neve no Parque Odori, incluindo uma representando um palácio polonês cuja metade é do tamanho real e outra destacando um cavalo puro-sangue de 12 metros de altura de Hokkaido.

Uma coleção de 60 esculturas de gelo está em exibição no local em Susukino.

Esculturas de gelo em Susukino (foto do festival 2019/PM)

No local em Tsudome, os visitantes podem se divertir em escorregadores de neve gigantes.

O festival deste ano começa um pouco diferente do ano passado, o qual atraiu 2,7 milhões de pessoas de todo o mundo.

Cartazes alertando os visitantes sobre o surto de coronavírus estão espalhadas pelos locais do festival. Escorregadores gigantes também estão menores devido à falta de neve.

O festival se encerra em 11 de fevereiro.

Barraquinhas de comida no Parque Odori (foto do festival 2019/PM)

Assista a um vídeo com imagens do festival 2020:

Fonte: NHK World

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância