Vulcão de ilha em Kagoshima entra em erupção

O Shindake, que fica em uma ilha da província de Kagoshima, entrou em erupção na manhã desta segunda-feira (3). O fluxo piroclástico liberado não chegou a áreas residenciais.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

O Shindake entrou em erupção por volta das 5h30 desta segunda-feira, 3 de fevereiro, com fluxo piroclástico (JNN)

Um vulcão em uma ilha no sudoeste do Japão entrou em erupção na manhã desta segunda-feira (3), informou a Agência de Meteorologia do Japão – AMJ.

Publicidade

Um fluxo piroclástico se estendendo a cerca de 900 metros foi observado no lado sudoeste do Shindake, um monte de 626 metros de altura na ilha Kuchinoerabu na província de Kagoshima.

Entretanto, o fluxo não atingiu áreas habitacionais e não houve confirmação de feridos ou danos a residências, de acordo com o Governo Municipal de Yakushima.

De acordo com a AMJ, a erupção, que ocorreu por volta das 5h30, emitiu gases vulcânicos que chegaram a uma altura de cerca de 7 mil metros. Grandes quantidades de cinzas se espalharam por áreas a cerca de 600 metros da cratera.

Essa é a primeira vez desde 29 de janeiro de 2019 que um fluxo piroclástico ocorreu no Shindake.

A AMJ manteve seu nível de alerta vulcânico de 5 pontos para o Shindake a 3 (não se aproxime do vulcão) e alertou que grandes quantidades de cinzas vulcânicas poderiam se espalhar e fluxos piroclásticos poderiam ocorrer em áreas a cerca de 2Km da cratera.

O Shindake por volta das 9h desta segunda-feira, 3 de fevereiro (JNN)

Fluxos piroclásticos

Fluxos piroclásticos são o resultado devastador de algumas erupções vulcânicas. Constituem corpos fluidos, velozes, compostos de gás quente e piroclastos (cinza e pedra) que podem viajar com velocidade de até 160 km por hora.

O gás está normalmente numa temperatura entre 100-1500 graus Celsius. Os fluxos piroclásticos normalmente se deslocam rente ao solo, acompanhando as irregularidades do relevo.

Fonte: Mainichi

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Honda planeja retomar produção de carros em Wuhan na próxima semana

Publicado em 3 de fevereiro de 2020, em Sociedade

A japonesa Honda planeja retomar sua produção de carros na planta que tem com a DongFeng Automobile na cidade de Wuhan em 14 de fevereiro.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Retomada da produção de veículos planejada para 14 de fevereiro (ilustrativa/PM)

A Honda Motor planeja retomar sua produção de carros na planta que tem com a DongFeng Automobile na cidade de Wuhan em 14 de fevereiro, divulgou a Reuters, citando uma declaração da companhia no domingo (2).

Publicidade

Wuhan, na província de Hubei, é o epicentro do surto do novo coronavírus. Em 30 de janeiro, a Honda disse que suspenderia operações na fábrica até 13 de fevereiro, visto que o governo chinês estendeu o período de feriado de Ano Novo Lunar em vários dias para reduzir a exposição em potencial.

Na semana passada, o IHS Markit disse que se o coronavírus causar uma cascata de fechamentos de fábricas que dure até março, isso pode reduzir a produção na China em mais de 1,7 milhão de carros.

Isso seria um declínio de adicionais 32% além de uma queda de 10% que o IHS já havia previsto quando o ano começou por causa da diminuição da demanda.

Fonte: Bloomberg Quint

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância