Governo deverá declarar estado de emergência nas 3 províncias de Kansai e 2 de Tokai

O Primeiro-Ministro deverá fazer pronunciamento para declaração do estado de emergência em Osaka, Quioto e Hyogo. Depois, Aichi e Gifu.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem do CDC via Health Mil.

Em atendimento à solicitação dos governadores de Osaka, Quioto e Hyogo, o Primeiro-Ministro deverá declarar estado de emergência para as 3 províncias, na quarta-feira (13). 

Publicidade

Usando a prerrogativa da Lei de Medidas Especiais, o governo pretende reduzir os elevados resultados diários de pessoas com confirmação da infecção pelo novo coronavírus. 

Na província de Osaka a taxa de ocupação dos leitos dos enfermos graves chegou a 72% na segunda-feira (11), causando tensão no sistema médico.

Assim como foi para Tóquio, Kanagawa, Saitama e Chiba, o período deverá ser até 7 de fevereiro.

Com a finalidade de atender também aos pedidos de Aichi e Gifu, a declaração deverá ser emitida ainda esta semana. 

Em Mie o número diário de testados positivos não é tão alto quanto em Aichi e Gifu, mas por ser província vizinha, o governador tem a intenção de adotar as mesmas medidas preventivas.

Fontes: FNN, Yomiuri e Tokai TV

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Forte terremoto na Mongólia, na terça-feira

Publicado em 12 de janeiro de 2021, em Notícias do Mundo

Um forte terremoto abalou dois países, Mongólia e Rússia, na manhã de terça-feira.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Hipocentro do terremoto, na fronteira com Rússia (Google)

Às 6h33 (horário Tóquio) e 5h33 no horário local de terça-feira (12), ocorreu um forte terremoto na Mongólia, com abalos no país e também na Rússia. 

Publicidade

Segundo o USGS-Serviço Geológico dos Estados Unidos, o hipocentro do terremoto de magnitude 6,8 foi próximo ao Lago Khövsgöl, no norte da Mongólia, a cerca de 55 quilômetros da fronteira com a Rússia, a 10 quilômetros de profundidade.

A área não é muito povoada, mas há várias aldeias perto do lago, incluindo Hatgal e Turt, que têm uma soma de população estimada em 5 mil pessoas. Detalhes sobre possíveis danos ou vítimas ainda não são conhecidos.

Em abril de 1950 essa mesma área teve um forte terremoto de magnitude 6,9, o qual causou danos nas aldeias vizinhas. Mais recentemente, em dezembro de 1991, ocorreu um terremoto de magnitude 6,4 a oeste do lago.

Fontes: News Digest, BNO e Volcano Discovery

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância