Suga fala sobre situação de emergência para Tóquio e 3 províncias de Kanto e vacinação

No seu primeiro pronunciamento do ano o Primeiro-Ministro fala sobre o reforço das medidas de prevenção da infecção pelo novo coronavírus.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Primeiro-Ministro em pronunciamento às 11h de segunda-feira (ANN)

No seu primeiro pronunciamento do ano 3 da era Reiwa, às 11h de segunda-feira (4), o Primeiro-Ministro do Japão, Yoshihide Suga, falou sobre seus 100 dias de governo e o atual quadro do país.

Publicidade

Informou que considera emitir a declaração de situação de emergência para Tóquio e 3 províncias de Kanto, com base na Lei de Medidas Especiais. Assim, ainda esta semana deverá atender à solicitação dos governadores de Tóquio, Saitama, Chiba e Kanagawa, formulada no sábado (2). 

Além dessas províncias de Kanto, reforçou o pedido à população de todo o país para as medidas de prevenção à infecção do novo coronavírus. 

Diante do quadro considerado muito rigoroso, por parte do governo, levantou 4 aspectos para reforçar ainda mais essas medidas: 

  1. para diminuir o número de novos casos diários, reduzirá o horário comercial dos estabelecimentos noturnos, até 20h. Já criou um projeto de lei combinando pedido de redução do expediente e multa para quem não cumpri-lo, o qual será enviado para aprovação da Dieta
  2. em relação à fronteira, continua suspensa a entrada de estrangeiros. Mesmo para os passageiros com finalidade de negócios, dependendo do país de origem, a entrada não será permitida
  3. aumentar o número de hospitais para tratamento dos pacientes com Covid-19, bem como de profissionais da área médica, para impedir o colapso
  4. sobre a vacina americana contra o novo coronavírus, informou que quer antecipar o início da inoculação, com meta a partir da segunda quinzena de fevereiro
Fontes: ANN e NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Mortes nos acidentes em Aichi: menor número em 10 anos

Publicado em 4 de janeiro de 2021, em Sociedade

Embora o número de vidas perdidas em acidentes tenha sido inferior ao de Tóquio, é proporcionalmente alto.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem ilustrativa de ambulância (Wikimedia)

Pelo segundo ano consecutivo a província de Aichi não entrará como a de pior resultado de vítimas fatais de acidentes de trânsito no ano de 2020. 

Publicidade

Segundo informações da polícia, foram 24.836 ocorrências registradas de acidentes envolvendo pessoas – feridas e mortas – no ano passado, mostrando redução de 19% em relação a 2019.

O total de vítimas fatais foi de 154 perdas, sendo que os idosos – acima de 65 anos – representam 50% do total. 

O número de mortos nos acidentes de trânsito em Tóquio foi de 155. Assim, Aichi escapou da pior posição pelo segundo ano consecutivo.

O número de vidas ceifadas no trânsito está diminuindo ao analisar os dados em 10 anos, sendo que o ano passado foi o menor desse período. 

No entanto, na análise por região, 42 pessoas morreram em Nagoia, o que mostra aumento de 9 em relação ao ano de 2019.

Ainda, olhando para os locais dos acidentes, 50% foram de ocorrências nos cruzamentos e 19% nas proximidades desses, portanto, são locais que merecem muito mais atenção.

Fontes: Tokai TV e Nagoya TV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância