Terça-feira: neve nas regiões Kansai e Tokai

A área de baixa pressão se estende para as áreas das províncias banhadas pelo Oceano Pacífico, causa da neve ou chuva gelada.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Neve em Takayama, na segunda-feira (Nagoya TV)

Na terça-feira (12) a AMJ-Agência de Meteorologia do Japão informou que a área da neve se estende para as províncias banhadas pelo Oceano Pacífico.

Publicidade

Por isso, em alguns pontos das regiões Kansai e Kanto, além das províncias de Tokai, deverão ter neve na terça-feira. 

Em ampla área, essa área de baixa pressão deverá ser a causa da queda de flocos brancos, aguaneve ou chuva gelada. 

Assim, Tohoku, Hokkaido, Hokuriku e Tokai terão neve mesmo nas planícies. 

Acúmulo de neve

O máximo de acúmulo deverá ser de até 20 centímetros em Gifu, 5cm nas áreas montanhosas de Aichi, Shizuoka e Mie, e de 1 a 2cm nas planícies de Aichi e Mie.

Em alguns pontos de Kansai, Nagano e Yamanashi, prevê-se máximo de 15 centímetros, enquanto em Kanto e Chugoku 10cm e em Shikoku 7cm.

Na região Hokuriku ocorreu uma nevasca recorde na segunda-feira (11), cuja profundidade da neve chegou a mais do que o dobro ou triplo do nível normal. Ocorreram acidentes durante o trabalho de remoção de neve, da retirada da neve do telhado e avalanches.

A agência recomenda cuidado aos pedestres e motoristas das regiões Tokai, Kansai e Kanto.

Neve nas áreas em branco, aguaneve em rosa, chuva forte em azul escuro e chuva fraca em azul celeste. Nublado em cinza e céu limpo em laranja (Weather News)

Fontes: NHK, Tenki e Weather News

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Duas a quatro vezes mais pessoas nas ruas do que no primeiro estado de emergência em Kanto

Publicado em 11 de janeiro de 2021, em Sociedade

Análises da NHK indicam que a movimentação em Tóquio e 3 províncias de Kanto foi de 2 a 4 vezes maior do que no primeiro estado de emergência.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem Ilustrativa

A NHK publicou uma análise da movimentação das pessoas entre as 18h e 24h do dia 9, o primeiro sábado após a declaração do segundo estado de emergência, em Tóquio.

Publicidade

Os resultados mostram que a movimentação nas principais cidades da capital é inferior à média nos fins de semana antes da pandemia, mas é de 2 a 4 vezes maior do que durante o primeiro estado de emergência.

No Cruzamento de Shibuya, um dos locais mais conhecidos do bairro, teve 2,8 vezes mais pessoas. No bairro de Kabuki, em Shijuku, o aumento foi de 150% em relação primeiro estado de emergência, enquanto a Roppongi recebeu 2,4 vezes mais pessoas. O bairro de Ginza teve o maior aumento, com 300% mais pessoas nas ruas.

Entretanto, em relação ao mês de dezembro, o número de pessoas caiu de 10% a 50%, mas se esperava uma queda mais expressiva levando em conta à severidade da atual situação.

Nas outras 3 províncias de Kanto, também foi registrado um grande aumento. Na Estação de Omiya, em Saitama, o aumento foi 160%. Na Estação de Yokohama, em Kanagawa, foram 4,5 vezes mais pessoas, e na Estação de Chiba, província homônima, o aumento foi de 280%.

A análise utilizou dados coletados com a aprovação dos usuários da empresa de inteligência artificial Agoop.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância