Covid-19: nova variante mais infecciosa preocupa especialistas

Uma nova cepa preocupante de Covid-19 tem sido reportada no Reino Unido, enquanto cientistas continuam na incerteza se ela poderia ser resistente a vacinas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

Especialistas da saúde globais estão preocupados com uma mutação “incomum” da variante Lambda que poderia ser resistente a vacinas.

Publicidade

A variante Lambda, formalmente conhecida como C.37, foi detectada pela primeira vez no Peru, e é responsável por mais de 80% dos casos do país.

Um estudo na Universidade do Chile, em Santiago, investigou o efeito da Lambda em trabalhadores que haviam recebido duas doses da vacina chinesa CoronaVac.

Resultados sugerem que a Lambda é mais infecciosa do que a Gama e Alpha e é mais capaz de escapar de anticorpos produzidos por vacinas.

“Observamos uma infecciosidade aumentada mediada pela proteína spike da Lambda que foi ainda maior do que aquela da mutação D614G ou das variantes Alpha e Gamma”, segundo o estudo.

Jeff Barret, diretor da Iniciativa Genômica da Covid-19 no Instituto Wellcome Sanger no Reino Unido disse que ela é, ao invés disso, um “conjunto incomum de mutações”.

A Lambda tem um padrão único de sete mutações na proteína spike que o vírus usa para infectar células humanas, de acordo com o Financial Times.

Pablo Tsukayama, médico de microbiologia molecular na Universidade Cayetano Heredia de Lima disse que a variante Lambda está se espalhando mais rapidamente do que cepas anteriores.

“Até o fim de março, ela formou metade de todas as amostras coletadas em Lima. Agora, 3 meses depois, estamos registrando mais de 80% de todas as infecções a nível nacional.

“A Lambda se tornou a variante dominante no Peru em um período de tempo muito curto”. Desde então, ela se espalhou para 27 países.

Fonte: Sky News

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Mil novos casos na segunda-feira

Publicado em 6 de julho de 2021, em Sociedade

Onze províncias tiveram 0 de pessoas com resultado positivo. Porém, em Kanto a tendência não é de queda.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem do CDC via Health Mil.

Na segunda-feira (5) o país teve 1.030 pessoas testadas positivo para o novo coronavírus, em 36 províncias e aeroportos, por isso, a soma cumulativa foi para 807.413 pessoas infectadas nesta epidemia.

Publicidade

Nas províncias sob as medidas prioritárias, foram 342 em Tóquio, 180 em Kanagawa, 112 em Chiba, 76 em Saitama, 29 em Hokkaido, 6 em Quioto, 13 em Hyogo, 73 em Osaka, 16 em Fukuoka e 21 em Aichi.

Okinawa, a única sob estado de emergência, teve 28 novos casos.

Dados por província, de segunda-feira (NHK)

Em Hokkaido foram 5 óbitos, 3 em Aichi, 2 em Nagano e em outras, com total de 19 no dia, somando 14.866 na epidemia.

São 491 enfermos graves, dentre os 16.391 em tratamento.

Em contrapartida são 776.156 pessoas recuperadas até segunda-feira.

Na quinta-feira (1.º) foram realizados 47.225 testes PCR.

Em relação à vacinação que começou lentamente em fevereiro, até domingo (4), foram aplicadas 49.122.947 doses.

Fontes: NHK e News Digest

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância