Aukus: Reino Unido, EUA e Austrália anunciam pacto militar

Publicado em 17 de setembro de 2021, em Notícias do Mundo

Nova parceria de segurança na Ásia-Pacífico verá o Reino Unido e EUA fornecerem tecnologia para a Austrália implantar submarinos nucleares.

Ilustrativa (banco de imagens)

Uma nova parceria de segurança na região Ásia-Pacífico verá o Reino Unido e EUA fornecerem tecnologia e capacidade para a Austrália implantar submarinos nucleares.

Publicidade

Autoridades americanas disseram que a ação não era destinada a conter Pequim. Contudo, especialistas dizem que o acordo Aukus sinaliza uma mudança de paradigma na estratégia e política por toda a região.

O tempo do novo acordo é particularmente significante. Ele ocorre apenas um mês após a saída dos EUA do Afeganistão, quando dúvidas foram levantadas sobre o comprometimento dos EUA na região.

O Reino Unido está disposto a estar mais envolvido na Ásia-Pacífico principalmente após sua saída da União Europeia e a Austrália está cada vez mais preocupada com a influência da China.

“É um grande negócio porque isso realmente mostra que todas as três nações estão criando uma linha na areia para começar a conter as agressivas ações do Partido Comunista Chinês no Indo-Pacífico”, disse Guy Boekenstein, diretor sênior de defesa e segurança nacional no governo do Território Norte da Austrália, à BBC.

“Ele também demonstra publicamente nossa posição combinada sobre isso e comprometimento para uma região estável e segura na região Indo-Pacífico – uma que pelos últimos 70 anos levou à prosperidade de todos na região, incluindo o crescimento econômico da China”.

O que envolve o acordo?

O acordo envolve o compartilhamento de informação e tecnologia em várias áreas incluindo inteligência e tecnologia quântica, assim como a aquisição de mísseis de cruzeiro.

Mas os submarinos nucleares são a chave. Eles devem ser construídos em Adelaide, na Austrália Meridional e envolverão os EUA e o Reino Unido fornecendo consulta sobre tecnologia para sua produção.

Nos últimos anos, a China demonstrou crescente poder e influência na região.

Os EUA vêm investindo pesadamente em outras parcerias na região também com o Japão, Coreia do Sul, Tailândia e Filipinas, assim como Índia e Vietnã.

Fonte: BBC

Palavras-chave neste artigo

Vamos Comentar?

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - Japão
Info para brasileiros de Mie-ken