O pior da crise da Covid-19 já passou para a indústria de companhias aéreas

O chefe da IATA pede por regras de viagem mais simples e menos restrições de fronteiras para ajudar o setor a se recuperar.

Passageiros na fila do check in em aeroporto (banco de imagens)

A Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA) disse que a pior fase para a indústria de companhias aéreas  passou, mas pediu aos governos que simplifiquem regras de viagem e abram fronteiras para ajudar o setor da aviação a operar dentro do que é atualmente a fase “endêmica” do vírus.

Publicidade

Os prejuízos totais da indústria devem cair para US$11,6 bilhões em 2022, de acordo com as previsões mais recentes, o que significaria uma perda líquida de mais de US$200 bilhões em 3 anos como resultado da Covid-19.

O diretor-geral da IATA, Willie Walsh, disse: “passamos o ponto mais profundo da crise. Enquanto questões graves continuem, o caminho da recuperação está começando a aparecer”.

Walsh pediu por harmonização das restrições de viagem. Tendo em conta dados melhorados, conhecimento, vacinas e testes, ele disse: “a ideia de que medidas que colocamos em vigor em fevereiro de 2020 são relevantes hoje é sem sentido”.

“Restrições de viagem são uma rede de regras complexas e confusas com pouca consistência entre elas. E há pouca evidência para sustentar as contínuas restrições de fronteiras e caos econômico que elas criaram”, continuou ele.

“Onde pessoas estão completamente vacinadas, elas deveriam ter permissão para viajar sem restrição ou teste”.

Fonte: The Guardian

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Terremoto de intensidade forte 5 abala Aomori

Publicado em 6 de outubro de 2021, em Sociedade

O epicentro foi na costa de Iwate, o que causou um tremor de intensidade 5 forte em Aomori.

Em laranja e amarelo são os locais onde os tremores foram de intensidade 4 a 5 forte (WeatherNews)

Segundo informações da AMJ – Agência de Meteorologia do Japão, ocorreu um terremoto de magnitude 5,9, por volta das 2h46 de quarta-feira (6), com epicentro na costa de Iwate, a 56km de profundidade.

Publicidade

Na cidade de Hashikami (Aomori) o tremor foi de intensidade 5 forte, enquanto em Hachinohe, Nambu e Morioka (Aomori) a intensidade foi de 5 fraca.

Abalos de intensidade sísmica 4 a 1 ocorreram nas províncias de Aomori, Iwate, Hokkaido, Miyagi, Akita, Yamagata, Fukushima e parte de Kanto.

Não houve risco de tsunami.

Em relação aos danos, até as 7h de quarta-feira, em Iwate-cho (Iwate), soube-se que um aparelho de tevê caiu sobre a cabeça de uma idosa, na faixa dos 80, e que um semáforo quebrou e bloqueou a rodovia 4.

Em Hachinohe (Aomori), uma mulher na casa dos 60, teve o ombro ferido porque tentou segurar os móveis da casa.

A AMJ alerta a população das áreas com tremor mais forte sobre a possibilidade de réplicas de intensidade sísmica máxima de 5.

Fontes: AMJ, FNN, Yahoo!, NHK e WeatherNews

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros