Pfizer comprova eficácia de 95,6% da terceira dose

O resultado do ensaio clínico mostrou que a imunidade volta a subir com a aplicação da dose de reforço.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem da vacina Pfizer-BioNTech (Flickr)

A Pfizer-BioNTech, empresas farmacêuticas americana e alemã, divulgaram na quinta-feira (21) que a  eficácia da dose de reforço da vacina é 95,6%, conforme mostram os resultados do ensaio clínico da inoculação contra o novo coronavírus. 

O teste de comparação foi realizado em cerca de 10 mil pessoas, divididas em 2 grupos, sendo um com aplicação do placebo e outro com a terceira dose.

Como resultado, 7 dias após a vacinação, 109 pessoas que receberam o placebo testaram positivo para a Covid-19, enquanto apenas 5 do grupo da dose de reforço se infectaram.  

“Conseguimos voltar ao mesmo nível após a segunda dose”, declarou a farmacêutica Pfizer que havia dito que a eficácia de 2 doses cai com o tempo, para 84% passados 4 meses.

Nos Estados Unidos, a terceira dose da vacina Pfizer foi iniciada no mês passado para pessoas com 65 anos ou mais e aquelas com alto risco de agravamento. 

Em breve o CDC – Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos deverá tomar uma decisão em relação à dose de reforço da Moderna e Johnson. 

Fonte: NHK  

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Investigação revela abusos em creche onde menino deixado em ônibus morreu

Publicado em 22 de outubro de 2021, em Sociedade

Na creche onde o menino morreu dentro do ônibus, vários incidentes de comportamento inapropriado.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Abusos foram revelados após uma investigação na creche Futaba em Fukuoka (NHK)

Uma investigação em uma creche particular no sudoeste do Japão onde um menino de 5 anos morreu após ter sido deixado sozinho em um ônibus em um dia quente de verão revelou vários casos de abuso.

Uma inspeção na Futaba Nursery School em Fukuoka, conduzida pelos governos provincial e municipal de Nakama após a morte de um menino de 5 anos em julho descobriu abuso, incluindo crianças penduradas de cabeça para baixo.

O governo da província emitiu uma orientação de melhoria baseada na Lei de Bem-Estar Infantil à operadora da creche, a corporação de bem-estar social Shinseikai, na quinta-feira (21).

De acordo com o governo da província, a investigação descobriu casos que remontam a 2019 em que crianças levaram tapa na cabeça e tiveram seus braços puxados com força.

Aparentemente, também houve abuso verbal desde abril deste ano, incluindo dizer às crianças, “Não gosto de você” e “Seu idiota”. Em um caso, uma criança foi enrolada com uma toalha de banho e deixada no banheiro por um longo tempo, descobriu a investigação.

A investigação foi conduzida baseada em informação que o governo provincial obteve de questionários distribuídos aos pais e responsáveis das crianças em agosto após a morte de Toma Kurakake, de 5 anos. O menino faleceu em decorrência de hipertermia após entrar no ônibus da creche na manhã de 29 de julho e ser deixado no veículo até o fim da tarde.

Nos questionários, pais e responsáveis relataram vários incidentes de comportamento inapropriado incluindo abuso verbal. Os governos provincial e municipal decidiram em comum acordo conduzir uma investigação especial, separada do incidente com o ônibus.

Fonte: Mainichi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - Japão
Info para brasileiros de Mie-ken
Kumon - aprenda japonês e tenha oportunidades