Japão planeja compilar pacote de estímulo econômico de ‘grande escala’

O pacote de estímulo deve ser compilado em meados de novembro, diz o primeiro-ministro Fumio Kishida.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Cédulas de 10 mil ienes (banco de imagens)

O primeiro-ministro Fumio Kishida manifestou na segunda-feira (1º) sua determinação para compilar um grande pacote de estímulo econômico em meados de novembro após seu dominante Partido Liberal Democrático – PLD ter conquistado maioria absoluta na eleição geral realizada no domingo (31).

Em uma coletiva de imprensa, Kishida, presidente do PLD, disse que seu partido recebeu uma ordem do público na eleição para a Câmara dos Representantes, a importantíssima câmara baixa da Dieta, o parlamento do Japão.

“Espero que o orçamento suplementar do ano fiscal de 2021 seja compilado rapidamente e promulgado o mais cedo possível dentro deste ano” para financiar o pacote de estímulo, disse Kishida.

Ele deve lançar seu segundo Gabinete em 10 de novembro após sua esperada reeleição como primeiro-ministro em uma sessão especial da Dieta a ser convocada no mesmo dia.

Na eleição de domingo, o PLD ganhou 261 cadeiras, garantindo maioria estável absoluta e dando a ele controle firme da Dieta. A meta de Kishida era de 233 cadeiras, uma simples maioria da câmara de 465 membros.

Em uma coletiva de imprensa, Kishida também disse que o Japão buscaria papel de liderança em promover políticas de neutralidade de carbono na Ásia ao oferecer ajuda para a região investir em energia limpa.

As medidas fariam parte do pacote de estímulo do governo, acrescentou ele.

Fonte: Nippon

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Preços de bicicletas sobem no Japão

Publicado em 1 de novembro de 2021, em Sociedade

Tanto o fornecimento quanto a demanda estão empurrando os preços de bicicletas lá para cima.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Uma bicicleta da Tokyobike à mostra (banco de imagens)

Quando a Bridgestone Cycle anunciou no mês passado que aumentaria os preços pela 1ª vez em 3 anos – em até 11% para modelos convencionais e em até 5% para os elétricos – pessoas inteiradas com a indústria foram pegas de surpresa.

Muitas empresas no Japão têm resistido a aumentos de preços, temendo afastar clientes em meio a décadas de deflação. Mas como a mudança no estilo de vida pelo coronavírus causou um aumento na demanda por bicicletas, mais atuantes na indústria também estão seguindo a tendência.

A Bridgestone pode ser um dos maiores nomes do Japão a entrar na tendência, mas não é a primeira. A Asahi aumentou os preços em cerca de 70% de sua mercadoria em 5% a 7% no fim de fevereiro. A Tokyobike subiu os valores em agosto, enquanto a grande fornecedora de peças Shimano cobrou mais em certos envios com início em julho.

Ao primeiro olhar, essa mudança parece ser decorrente primariamente de questões relacionadas ao fornecimento. Aço inoxidável e alumínio, usados amplamente em armações, pedais e componentes de bicicletas, estão variando a altas históricas.

Medidas de distanciamento social, lockdowns pelo coronavírus e escassez de energia também apertaram a produção de bicicletas e seus componentes na Ásia.

Mas a demanda está aumentando também, visto que a pandemia muda como consumidores no Japão se locomovem e comem.

Mais pessoas evitam locais fechados e aglomerados como trens em horas de pico onde o coronavírus poderia se espalhar facilmente, optando pode se locomover de bicicleta.

Horários de funcionamento reduzidos de restaurantes e outras restrições da Covid-19 também alimentaram o aumento de serviços de entrega no Japão, principalmente em grandes cidades. Muitos entregadores usam bicicletas como seus veículos de escolha.

Fonte: Asia Nikkei

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Info para brasileiros de Mie-ken
Kumon - aprenda japonês e tenha oportunidades