Tailândia reabre para turistas internacionais completamente vacinados

A Tailândia reabriu nesta segunda-feira (1º) para turistas completamente vacinados de 63 países e regiões, incluindo o Japão, sem quarentena.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Turista internacionais completamente vacinados podem entra na Tailândia sem quarentena (NHK)

A Tailândia começou a permitir a entrada de turistas internacionais vacinados sem exigir quarentena na chegada.

O país no Sudeste Asiático reabriu nesta segunda-feira (1º) para turistas de 63 países e regiões, incluindo o Japão. Isso faz parte das medidas para reconstruir a economia do país que foi duramente prejudicada pela pandemia.

O governo tailandês suspendeu exigências de quarentena para viajantes que foram completamente vacinados e têm um resultado negativo de teste PCR (reação em cadeia da polimerase). O viajantes também serão submetidos a um teste PCR na chegada ao país.

Em um aeroporto fora da área da capital de Bangkok, turistas que chegaram do exterior tiveram suas temperaturas aferidas e resultados de teste negativo verificados.

Um homem de 35 anos da Alemanha disse que foi bom entrar no país sem ter que passar por quarentena e que gostaria de desfrutar das comidas saborosas e praticar mergulho.

A Tailândia impôs restrições rigorosas sobre a entrada de visitantes do exterior desde março de 2020 quando as infecções por coronavírus começaram a se espalhar. Entretanto, o número deste ano chegou a apena 85 mil até o fim de setembro.

As indústrias do turismo e de restaurantes têm altas expectativas para a reabertura, contudo, uma recente pesquisa realizada por uma universidade tailandesa mostra que 6 entre 10 pessoas acreditam que a ação deveria ser adiada.

Muitas pessoas estão preocupadas com o fato da Tailândia ainda estar registrando mais de 8 mil casos de coronavírus diariamente.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Pesquisadores estão desenvolvendo vacina em adesivo contra Covid

Publicado em 1 de novembro de 2021, em Notícias do Mundo

O imunizante em adesivo poderia auxiliar o esforço global de vacinas, principalmente para bilhões de pessoas vulneráveis em países de baixa e média renda.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Frascos de vacina contra covid (ilustrativa/banco de imagens)

Uma vacinação contra Covid-19 sem agulha poderia ser possível, com cientistas da Universidade de Queensland protegendo ratos do vírus com êxito ao administrar um imunizante candidato desenvolvido nos EUA com um “adesivo”.

A vacina candidata Hexapro da Universidade do Texas – passada por um adesivo microarranjo de alta densidade desenvolvido pela Universidade de Queensland e a Vaxxas – ofereceu proteção contra a doença da Covid-19 com um único “clique” indolor usando um aplicador do tamanho de um bolso.

A tecnologia de adesivo microarranjo de alta densidade (Universidade de Queensland)

David Muller da Escola de Química e Biociência Molecular da Universidade de Queensland disse que o adesivo de vacina produziu fortes respostas imunes que mostraram ser eficazes quando os ratos foram expostos ao SARS-CoV-2, o vírus que causa a Covid-19.

“Quando a vacina Hexapro é passada via aplicador ao invés de uma seringa ela produz respostas imunes melhores e mais rápidas”, disse Muller.

“Ela também neutraliza várias variantes, incluindo a do Reino Unido e a da África do Sul.

“E é muito mais amigável do que uma agulha – você simplesmente ‘clica’ um aplicador na pele e 5 mil projeções microscópicas quase imperceptíveis passam a vacina para ela”.

Muller disse que a equipe da Universidade de Queensland, junto com a Vaxxas, esperavam levar a tecnologia para o mundo e que estavam buscando oportunidades para fundos a fim de acelerar ensaios clínicos o mais breve possível.

“A Hexapro, passada pelo adesivo de microarranjo de alta densidade, poderia auxiliar dramaticamente o esforço global de vacinas, principalmente para bilhões de pessoas vulneráveis em países de baixa e média renda.

Fonte: Sci Tech Daily

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Banco do Brasil - Japão
Info para brasileiros de Mie-ken
Kumon - aprenda japonês e tenha oportunidades