Okinawa confirma 1.º caso de infecção pela variante ômicron

Na província de Okinawa foi confirmado apenas 1 testado positivo. Mas em uma das bases tem um cluster com cerca de 100 pessoas infectadas, incluindo pela variante.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Base americana chamada Camp Hansen (FNN)

Na sexta-feira (17) há confirmação de 1 testado positivo para o novo coronavírus na província de Okinawa. No entanto, em uma das bases americanas ocorreu um cluster de infecção

Publicidade

Soube-se que 1 pessoa que vive na província teve confirmação da infecção pelo novo coronavírus com a variante ômicron. É um japonês que trabalha na base americana do Corpo de Fuzileiros Navais, chamada Camp Hansen, em Kin.

Cluster em grande escala  

Segundo informações da mídia local, foi confirmado um cluster com pelo menos 100 militares e pessoas relacionadas à essa base americana, porque no começo da semana foram 30 e na sexta-feira cerca de 70.  

De acordo com o Okinawa Times, o Camp Hansen elevou o nível de alerta de Alfa para Bravo, o terceiro de cima para baixo, da HPCON-Health Protection Condition ou Condição da Proteção da Saúde, na tradução livre.

“Os membros estão sob comportamento restrito e não têm contato com residentes locais fora da base. Todos os testados positivos estão em quarentena“, declarou um representante da base. “Estamos realizando testes ativamente para prevenir a propagação da infecção e rastreando contatos próximos”, acrescentou.

Não há informação detalhada de quantos militares chegaram nessa base e tampouco se saíram para a ilha após a chegada.

Teste PCR gratuito para quem teve contato próximo

O governador Denny Tamaki disse em coletiva de imprensa, às 18h de sexta-feira que foi confirmada a variante ômicron em um homem testado positivo no dia 14, na faixa dos 50 anos, o qual trabalha no Camp Hansen e mora em Uruma. Ainda não se sabe se está relacionado com o cluster em grande escala.

Tamaki pediu à população que evite sair em grupos grandes nos restaurantes e os que tiveram contato com os militares e funcionários do Camp Hansen podem fazer teste PCR gratuito, no estilo drive thru, a partir de sábado. Mas, alerta para não fazer discriminação.

Fontes: Okinawa Times, FNN e Ryukyu Shimpo

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Gunma tem súbito aumento na sexta-feira com 52 testados positivo

Publicado em 17 de dezembro de 2021, em Sociedade

Esse número é preocupante para a província, pois são 2 clusters de infecção. O governador quer agilizar a vacinação da terceira dose.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Província de Gunma (NHK)

Na sexta-feira (17) a província de Gunma teve 52 testados positivo para o novo coronavírus. A última vez que teve um número superior a 40 foi em 26 de setembro.

Publicidade

A soma cumulativa de pessoas infectadas subiu para 17.147 e o número de óbitos pela covid é de 176.

Desse total, 30 casos foram por causa de 2 clusters de infecção em fábricas do mesmo grupo, nas cidades de Kiryu e Ota. Já somam 48 pessoas infectadas nesses clusters.

O governador Ichita Yamamoto disse em coletiva de imprensa no final da tarde que espera do país uma flexibilidade em relação à dose de reforço da vacina contra a covid.

“Gostaria de usar o estoque da vacina Moderna, de propriedade da província, para avançar o mais rápido possível”, declarou.   

Fontes: NHK e Gunma TV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância