Quarto caso da variante ômicron no Japão

Depois das confirmações dos passageiros que chegaram da Namíbia, Peru e Itália, agora é desse que veio de um outro país africano.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem ilustrativa (Pixabay)

No final da tarde de quarta-feira (8), Shigeyuki Goto, ministro da Saúde, Trabalho e Bem-Estar do Japão, informou sobre o quarto caso da variante ômicron.

Publicidade

Segundo o ministro, o testado positivo para o novo coronavírus, com essa cepa, é do sexo masculino, na faixa dos 50 anos, que esteve na Nigéria e veio via Doha, no sábado (4), com desembarque no aeroporto de Narita. 

Ele é assintomático mas está em observação em uma instituição médica. O paciente é vacinado com as duas doses da Pfizer.

Por causa desse resultado, os 103 passageiros do mesmo voo estão sendo monitorados, os quais devem cumprir quarentena de 14 dias.

Como ainda não há informações suficientes sobre essa variante, o NIID-Instituto Nacional de Doenças Infecciosas do Japão analisa que as pessoas que estavam no mesmo espaço que a pessoa infectada devem ser submetidas a uma ampla gama de testes, independentemente do tempo de contato.

Fontes: ANN e NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Terremoto de intensidade 4 nas Ilhas Tokara e cautela em outras províncias

Publicado em 9 de dezembro de 2021, em Sociedade

A AMJ alerta para as réplicas nas Ilhas Tokara, além das províncias de Wakayama e Yamanashi.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Terremoto nas Ilhas Tokara, na noite de quarta-feira (NHK)

Às 22h44 de quarta-feira (8) ocorreu um terremoto de intensidade 4 nas Ilhas Tokara (Kagoshima). O epicentro foi no mar, bem perto das ilhas, a 20km de profundidade. Não houve alerta de tsunami.

Publicidade

Tarde da noite um representante da AMJ-Agência de Meteorologia do Japão explicou, em coletiva de imprensa, as atividades sísmicas e os pontos de cautela em relação aos terremotos ocorridos no começo deste mês .

Nas Ilhas Tokara, onde a intensidade sísmica máxima foi de 5, desde 4 deste mês, já ocorreram 218 abalos até terça-feira (7).

“Embora a atividade sísmica tenha se acalmado, no passado, os sismos continuaram mesmo após o final de um período particularmente ativo, e há o risco de terremotos ocasionais de grande escala”, alertou Kazuki Miyaoka, da AMJ.

Terremotos em Izu Oshima, Yamanashi e Wakayama

Em relação ao terremoto perto de Izu Oshima, onde atividade sísmica foi observada desde 4 deste mês, tremores com intensidade sísmica de 1 ou superior foram observados 24 vezes na terça-feira (7), sendo que o número diminuiu desde então.

Na costa oeste de Izu Oshima, continua a atividade vulcânica, o que ativa os abalos sísmicos, mas, não há alteração nos dados de observação relacionados a vulcões, como movimentos da crosta terrestre.

Além disso, em relação aos terremotos nas províncias de Yamanashi e Wakayama, de intensidade 5 fraca, em 3 deste mês, não ocorreu nenhuma réplica considerável perto da área do epicentro depois disso.

Mas, ainda podem ocorrer terremotos da mesma escala por cerca de uma semana após a ocorrência. “Continuamos chamando a atenção para a possibilidade de isso acontecer”, disse Miyaoka.

Fontes: Tenki e NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância