Sexta-feira: 302 testados positivo

Em relação ao mesmo dia da semana passada o aumento foi de 120 casos. Em Yamaguchi foi confirmado o 1.º caso na base americana de Iwakuni.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

SARS-CoV-2 (CDC)

Até as 18h30 de sexta-feira (24) o Japão teve 302 novos casos de coronavírus, com aumento significativo em algumas províncias, como em Hokkaido com 12 e Fukushima com 10.

Publicidade

Na região Kanto foram 39 em Tóquio – 19 a mais do que na semana passada, 24 em Kanagawa, 16 em Gunma, 7 em Tochigi e em Saitama, 6 em Chiba e 1 em Ibaraki. 

Foram 26 em Osaka, 15 em Hyogo, 13 em Quioto, 8 em Ishikawa, 5 em Nagano, 19 em Fukuoka e 33 em Okinawa.

Na região Tokai foram 6 em Aichi, 2 em Shizuoka, e 0 em Mie e em Gifu.

Houve aumento de 96 pacientes em tratamento, com total de 1.284.

No total 1.710.419 pessoas se recuperaram.

Em Yamaguchi, uma das províncias de Shikoku, teve o primeiro caso de ômicron, de um funcionário japonês que trabalha na base americana em Iwakuni.

Fonte: News Digest

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Japão registra queda no número de crimes

Publicado em 24 de dezembro de 2021, em Sociedade

O número de crimes em geral no Japão diminuiu, mas fraudes por telefone aumentaram, com prejuízos de US$250 milhões.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

Um relatório do governo japonês sobre crimes diz que mais ações precisam der feitas para combater fraudes por telefone e outros esquemas que defraudaram pessoas em cerca de US$250 milhões no ano passado.

Publicidade

O livro branco deste ano sobre crimes foi apresentado a uma reunião do gabinete nesta sexta-feira (24). Ele diz que a polícia abordou cerca de 640 mil ofensas criminais em 2020, o menor número na era pós-guerra.

Contudo, os casos de cibercrimes, incluindo fraude online e prostituição infantil, aumentaram pelo 4º ano consecutivo para cerca de 8,7 mil.

Segundo o relatório, houve 7,4 mil casos de fraude, o maior número desde 2004. Os casos incluíram fraudes por telefone, em que criminosos enganaram pessoas para fazer com que elas transferissem dinheiro.

Cerca de 65% das vítimas tinham 65 anos ou mais. As perdas totais situaram-se em cerca de 28,5 bilhões de ienes, ou aproximadamente US$250 milhões.

O número de casos de crimes tratados pela polícia tem estado em declínio em uma média de 9,2% ano a ano nos 5 anos até 2019. O número do ano passado teve uma queda mais acentuada, de 17,9%.

O Ministério da Justiça acredita que a pandemia de coronavírus pode ter causado o declínio.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância