China: saída para o feriado de Ano Novo começa em meio à propagação da ômicron

Segundo o governo, as pessoas farão 1,18 bilhão de viagens durante o período de 40 dias a partir de segunda-feira.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Pessoas começam a voltar para suas cidades natais no feriado de Ano Novo Lunar na China (NHK)

Pessoas em toda a China estão começando a retornar para suas cidades natais devido aos iminentes dias de feriado de Ano Novo Lunar.

Publicidade

Contudo, autoridades estão pedindo a elas que evitem viajar antes das Olimpíadas de Pequim a fim de prevenir a propagação da variante ômicron do coronavírus.

O número de trabalhadores e outros que voltarão para casa começa a aumentar na segunda-feira (17) antes dos dias de feriado, os quais, neste ano, começam em 31 de janeiro.

Segundo estimativa do governo, as pessoas farão 1,18 bilhão de viagens durante o período de 40 dias a partir de segunda-feira.

Autoridades aumentaram as medidas anti-infecção para prevenir a propagação do coronavírus com a chegada dos jogos de inverno. A cerimônia de abertura ocorrerá em 4 de fevereiro.

Autoridades da cidade de Tianjin descobriram casos de transmissão comunitária no início deste mês. A vizinha Pequim também anunciou seu primeiro caso da variante no sábado (15).

A ômicron também foi detectada em Xangai e nas províncias de Henan e Guangdong, assim como em outras partes do país.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Segundo cluster na Murata de Fukui causa suspensão parcial da produção

Publicado em 17 de janeiro de 2022, em Sociedade

No verão do ano passado, no pico da quinta onda, ocorreu um cluster na Murata, portanto, este é o segundo.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Prédio da Murata, em Echizen (Fukui Shimbun)

No sábado (15) a Fukui Murata Manufacturing, onde foi confirmado um cluster de infecção pelo novo coronavírus, interrompeu a produção de um andar das instalações da fábrica de Takefu, na cidade de Echizen (Fukui).

Publicidade

Devido ao surto, cerca de 1,2 mil dos 7 mil trabalhadores estão em quarentena em casa. 

O piso parado temporariamente será reaberto assim que os funcionários testarem negativo.

Na quinta onda de infecção, em agosto de 2021, foi confirmado um cluster de grande escala na mesma indústria, o que causou a suspensão de todas as linhas de produção.

De acordo com as informações da matriz em Quioto, são cerca de 200 funcionários que trabalham nesse andar que teve a operação suspensa. O impacto em todo o processo de fabricação de componentes eletrônicos é considerado pequeno.

A Fukui Murata Manufacturing vem realizando testes de PCR em uma escala de mil pessoas por dia para todos os funcionários, desde 11 de janeiro, devido à disseminação da infecção.

Um responsável da Murata Manufacturing disse para o Fukui Shimbun que “vínhamos pedindo a cada funcionário os cuidados diários. Pedimos desculpas pela preocupação e inconveniência causada à sociedade”. 

Fonte: Fukui Shimbun

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância