Festival da Neve de Sapporo: espetáculo híbrido e reduzido

Para que não tenha aglomeração de público, o esperado festival da neve teve mudança na forma de apresentação e suspensão de duas áreas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Escultura gigante feita em 2020 (divulgação)

Na terça-feira (18) o comitê executivo da 72.ª edição do Festival da Neve de Sapporo (さっぽろ雪まつり), em Hokkaido, entre 5 a 12 de fevereiro, decidiu parar de instalar as esculturas de neve e gelo no Odori Park, na capital de Hokkaido

Publicidade

As instalações serão transferidas para outro local, menor e com medidas de controle mais rígidas para o público reduzido, além da distribuição do conteúdo online com participação popular.  

Essa decisão foi tomada diante do aumento diário dos novos casos de infecção pelo coronavírus, especialmente da variante ômicron. Nos últimos 4 dias a província de Hokkaido vem registrando mais de 600 testados positivo, bem mais do que no pico da quinta onda.

Área de Tsudomu foi cancelada este ano (divulgação)

As áreas de Susukino e Tsudomu tiveram toda a programação suspensa para o público. 

Desde 1950, quando iniciou o festival, foi a primeira vez a ser cancelado no ano passado, por causa da expansão da infecção. E este ano, o comitê se vê obrigado a suspender as outras duas áreas, mantendo somente as esculturas, as quais poderão ser apreciadas presencialmente em uma fila de mão única. Assim, o público bem reduzido observará as obras de arte de inverno enquanto caminha.

Fontes: divulgação e Hokkaido Shimbun

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Amazon desiste de plano de proibir cartões de crédito Visa em seu site britânico

Publicado em 18 de janeiro de 2022, em Notícias do Mundo

Era esperado que a Amazon impedisse que usuários no Reino Unido usassem cartões de crédito da Visa em sua plataforma a partir de 19 de janeiro.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Site da Amazon e cartões da Visa (banco de imagens)

A Amazon desistiu de planos de parar de aceitar cartões de crédito Visa no Reino Unido.

Publicidade

Era esperado que a gigante do e-commerce impedisse que usuários no Reino Unido usassem cartões de crédito emitidos pela Visa em sua plataforma a partir de 19 de janeiro.

Contudo, em uma declaração na segunda-feira (17), a empresa disse que a mudança “não ocorreria mais”.

A Amazon fez o anúncio chocante inicialmente em novembro, citando “altas taxas que a Visa cobra para processar transações de cartão de crédito”. Na época, a Visa disse que estava “muito chateada” com a mudança e que trabalharia para resolver a situação com a Amazon.

As duas companhias já entraram em conflito no passado, com a Amazon anunciando planos para introduzir uma sobretaxa de 0,5% sobre cartões de crédito com a bandeira Visa na Austrália e Singapura em 2021.

Não está claro por que a Amazon desistiu de seu plano para abandonar os cartões de crédito da Visa no Reino Unido ou se a decisão é final ou temporária.

Clientes da Amazon podem continuar a usar cartões da Visa no amazon.co.uk após 19 de janeiro enquanto trabalhamos juntos para chegar a um acordo”, disse um porta-voz da Visa à rede CNBC por email.

Fonte: CNBC

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância