Mais de 1,7 milhão de ucranianos fugiram para a Europa Central, dizem Nações Unidas

A Polônia, que tem a maior comunidade ucraniana na Europa Central, recebeu mais de 1 milhão de refugiados desde o início do conflito.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Refugiados ucranianos aguardando permissão para atravessar a fronteira com a Eslováquia, 26 de fevereiro de 2022 (banco de imagens)

Mais de 1,7 milhão de ucranianos que fugiram até agora da invasão da Rússia atravessaram para a Europa Central, disse a Agência de Refugiados das Nações Unidas na segunda-feira (7).

Publicidade

A Polônia, que tem a maior comunidade ucraniana na Europa Central, recebeu mais de 1 milhão de refugiados desde o início do conflito em 24 de fevereiro, com o marco ultrapassado no fim de domingo (6).

“Isso significa um milhão de tragédias, um milhão de pessoas banidas de suas vidas pela guerra”, tuitou o serviço de guarda de fronteira polonês no domingo.

Até agora, um total de 1.735.068 civis, a maioria mulheres e crianças, já que homens ficaram para lutar, atravessaram a fronteira para a Europa Central, disseram as Nações Unidas.

A União Europeia – UE poderia receber cerca de 5 milhões de refugiados ucranianos se o bombardeio da Rússia sobre a Ucrânia continuar, disse o principal diplomata do bloco, Josep Borell. A Rússia chama suas ações na Ucrânia de “operação especial”.

Fonte: Channel News Asia

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Rússia: além dos pagamentos digitais, TikTok e Netflix suspendem serviços

Publicado em 8 de março de 2022, em Notícias do Mundo

Em consequência do ataque da Rússia, causando uma guerra na Ucrânia, mais empresas suspendem os serviços no país, como TikTok e Netflix.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagens ilustrativas de TikTok (MaxPixel) e Netflix (Pixabay)

Por causa da guerra contra a Ucrânia, o povo russo já não pode efetuar pagamentos com cartões de crédito das bandeiras American Express, Visa e Mastercard, informaram as operadoras.

Publicidade

Além dessas, a empresa de corretagem de pagamento via internet, a PayPal, também suspendeu, conforme carta de apoio enviada a Mykhailo Fedorov, vice-primeiro-ministro com acúmulo do cargo de ministro da transformação digital da Ucrânia, em 5 deste mês.

Assim, o povo da Rússia não pode mais fazer compras online, incluindo os games digitais, ou efetuar pagamentos nos estabelecimentos comerciais usando cartões de crédito.

As redes sociais também não estão disponíveis para a Rússia. O governo russo bloqueou na semana anterior o Facebook, da empresa Meta, e o Twitter. A popular plataforma entre os jovens, TikTok, anunciou a suspensão do serviço no domingo (6).

A plataforma de streaming Spotify fechou seu escritório no território russo. A outra, de streaming, gigantesca Netflix, informou a suspensão do serviço no domingo.

No dia 24 de fevereiro o Exército da Rússia invadiu a Ucrânia e a guerra continua ainda hoje. Três dias depois, em 27, algumas instituições financeiras russas foram excluídas do SWIFT-Society for Worldwide Interbank Financial Telecommunication.

Grandes empresas privadas de todo o mundo estão se mobilizando para suspender seus negócios na Rússia, o que causa um grande impacto na vida dos cidadãos.

Fontes: ANN, BBC e Game Spark

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância