Singapura deixará de exigir uso de máscara ao ar livre, reabrirá fronteiras

A regra de uso de máscara ao ar livre será suspensa a partir de 29 de março, embora o item de proteção ainda seja obrigatório em ambientes fechados.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Singapura não vai mais exigir uso de máscara ao ar livre (banco de imagens)

Na quinta-feira (23), Singapura disse que não vai mais exigir o uso de máscara ao ar livre e reabrirá suas fronteiras para visitantes completamente vacinados de todos os países, visto que as infecções por covid-19 na cidade-estado estão diminuindo.

Publicidade

A regra de uso de máscara ao ar livre, imposta há cerca de 2 anos para frear a propagação do coronavírus, será suspensa a partir de 29 de março, embora ainda seja obrigatório usar o item de proteção em ambientes fechados. A entrada livre de quarentena para visitantes passará a ser válida em 31 de março.

“Acreditamos que agora estamos prontos para tomar um passo decisivo em conviver com a covid-19”, disse o Primeiro-Ministro, Lee Hsien Loong, em um discurso transmitido na TV.

Outros relaxamentos de medidas incluem aumentar o número de pessoas em qualquer reunião de 5 para 10 e permitir que 75% dos funcionários em cada local de trabalho retorne para suas atividades dos atuais 50%.

Sobre a reabertura de fronteira, Lee disse, “isso reconectará Singapura com o mundo”.

Ainda será exigido dos visitantes a realização de testes de covid-19 pré-partida, mas eles não precisarão fazer nenhum na chegada a Singapura.

A decisão de suspender a maioria das restrições impostas sobre os singapurianos ocorre quando o número de novas infecções diárias caiu para aproximadamente 8,7 mil de cerca de 23,9 mil no início de março.

Fonte: News and Culture

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Preço médio da gasolina tem queda pela primeira vez em 11 semanas

Publicado em 25 de março de 2022, em Sociedade

O declínio ‘refletiu os efeitos do subsídio do governo’, o qual foi aumentado para o limite máximo de ¥25 por litro na semana passada.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Ilustrativa (banco de imagens)

O preço médio da gasolina em postos no Japão foi cotado a ¥174.60 por litro desde a terça-feira (22), queda de ¥0.60 em comparação à semana anterior, a primeira queda em 11 semanas, mostrou um relatório do Ministério da Indústria na quinta-feira (24).

Publicidade

Essa foi a primeira queda desde janeiro, quando o governo iniciou um programa de subsídio para distribuidoras de petróleo. O programa é designado a manter o preço médio da gasolina em torno de ¥172.

O declínio de preço “refletiu os efeitos do subsídio do governo”, o qual foi aumentado para o limite máximo de ¥25 por litro na semana passada, disse um funcionário do Centro de Informação de Petróleo.

Por província, o preço médio caiu em 34 províncias e aumentou em outras 9. A média provincial foi a mais alta em Kagoshima, a ¥182.80, e situou-se acima de ¥180 também em outras 4 províncias.

Fonte: Jiji

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância