Perigo de dirigir e falar ao smartphone, além da pena e multa

Não são poucos os acidentes causados pelos motoristas com o olho no smartphone ou por estarem falando. Veja as multas e pontos descontados.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem ilustrativa de motorista digitando texto de mensagem no smartphone (PxFuel)

Na manhã de terça-feira (12) foram destacados 650 policiais de Aichi para blitz em 95 pontos estratégicos, principalmente perto das escolas. 

Publicidade

O objetivo foi flagrar os motoristas com uma mão ao volante e outra com o smartphone.  

Desde a mudança da lei que regulamenta isso, ficando mais rigorosa em relação às penalidades e multas, houve uma queda nos acidentes, mas ainda assim, muitos causaram mortes. 

“A consciência fica concentrada na tela, não permitindo detectar os perigos ao redor e pode acabar em colisão com outro carro ou causar atropelamento. É um ato extremamente perigoso que pode levar a um grave acidente de trânsito, portanto, por favor, não o faça”, pede a NPA-Agência Nacional de Polícia.

Perigo da distração

Um carro avança 33,3 metros se estiver numa velocidade de 60km/h, em 2 segundos que o motorista se distrai vendo a tela do smartphone ou falando com alguém. Basta multiplicar por 10 segundos e verá que o percorrerá 333 metros sem perceber. 

Gráfico mostra os avanços em metros, a cada 2 segundos, dependendo da velocidade (NPA)

No ano de 2021 ocorreram 1.394 acidentes por causa disso, os quais ceifaram 21 vidas.

Nas blitzes realizadas em todo país, cerca de 6 milhões de motoristas foram parados e, cerca de 5%, são porque estavam com o dispositivo na mão. 

Penalidades

Há duas categorias de penalidades e multas aplicadas ao motorista flagrado com o smartphone. 

  1. Se o policial julgar que oferece perigo de acidente de trânsito ou causou um por causa disso, a penalidade é de até 300 mil ienes ou até 1 ano de prisão, além de 6 pontos descontados na carteira de habilitação e sem multa
  2. Se for flagrado assistindo algo no smartphone ou no navegador, a pena é de até 100 mil ienes ou até 6 meses de prisão. Serão descontados 3 pontos e a multa é de 25 mil ienes para veículos grandes (caminhões), 18 mil para carros de passeio, 15 mil para motos e 12 mil para motonetas

Recomendações e situações em que não será repreendido

A polícia faz duas recomendações:

  1. Colocar o smartphone no modo dirigindo para que não atenda nenhuma chamada
  2. Se necessita usar o smartphone por algum motivo, busque um lugar seguro para estacionar e falar com calma

Só há duas situações que a polícia não fará a repreensão:

  1. Quando o carro está parado
  2. Quando estiver transportando uma pessoa que teve um mal-estar súbito ou situação de emergência

Pôster da Polícia da Província de Nara

Fontes: NPA, Polícia de Nara, Zurich e Tokai TV

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Choque de teleféricos na Índia deixa mortos e vários feridos

Publicado em 12 de abril de 2022, em Ásia

Cerca de 48 pessoas estavam viajando ao longo de um declive íngreme quando três cabines do teleférico se chocaram.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Três cabines do teleférico se chocaram (Twitter/@vivekitbp)

Um acidente com teleférico em um local de peregrinação na Índia deixou pelo menos 3 mortos e várias pessoas penduradas, disseram autoridades da segunda-feira (11).

Publicidade

Uma operação de resgate foi realizada usando helicópteros da força aérea.

Cerca de 48 pessoas estavam viajando ao longo de um declive íngreme que leva à encosta Trikut no distrito de Deoghar, do estado de Jharhand, quando três cabines do teleférico se chocaram no fim da tarde de domingo, causando a morte de duas mulheres.

Outras 10 pessoas ficaram gravemente feridas no acidente. Dois turistas que pularam de suas cabines em pânico sofreram ferimentos graves.

Após a colisão, 12 cabines ficaram presas na linha.

De acordo com uma autoridade, o acidente foi causado por um problema técnico, embora a causa ainda deva ser apurada.

O teleférico é administrado por uma empresa privada, cujos funcionários fugiram do local após o acidente.

Helicópteros foram usados para retirar pessoas das cabines, enquanto drones levaram comida e água para outros que aguardavam resgate.

De acordo com o Departamento de Turismo de Jharkhan, o Trikut, que fica perto do Templo Baba Baidyanath, é o teleférico vertical mais alto da Índia e é popular entre os turistas e peregrinos que visitam o local sagrado.

Fonte: Straits Times

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância