Homem na faixa dos 20 morre por covid em Gifu

Com covid, um paciente adulto jovem morreu no hospital onde estava em tratamento.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

SARS-Cov-2 (Pixabay)

O governo da província de Gifu anunciou na segunda-feira (16) a morte de um paciente na faixa dos 20 anos, por causa da covid. 

Publicidade

Segundo as informações, o paciente ficou gravemente doente logo após testar positivo para o coronavírus. Esteve internado no hospital para o tratamento mas não resistiu e morreu no domingo (15).

Ele era de Ogaki (Gifu), não tinha nenhuma comorbidade e havia recebido as duas doses da vacina.

Foi o segundo caso de morte de um adulto jovem na província de Gifu, pela infecção do coronavírus.

Fonte: CBC TV

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Homem que recebeu ¥46 milhões por engano da prefeitura, não tem como devolver

Publicado em 17 de maio de 2022, em Sociedade

O advogado dele disse em coletiva de imprensa que não tem como devolver o dinheiro depositado por engano.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Advogado do cidadão em coletiva de imprensa (TNC)

A prefeitura da cidade de Abu (Yamaguchi), depositou erroneamente o valor de 46,3 milhões de ienes na conta de um cidadão de 24 anos, o qual era o total dos pagamentos do benefício municipal de 100 mil ienes para as 463 famílias afetadas pela epidemia do novo coronavírus.   

Publicidade

Um funcionário da prefeitura fez a transferência erroneamente em 8 de abril e em 12 deste mês, o homem foi processado, sob exigência da devolução do valor total mais os honorários advocatícios, cuja soma é de 51 milhões de ienes. Segundo a prefeitura, ele não atendeu ao pedido de devolução da soma.

Em resposta a essa ação da prefeitura, o advogado do cidadão realizou uma coletiva de imprensa para explicar a situação, na cidade de Yamaguchi.  

O advogado de defesa afirmou que o seu cliente atendeu ao interrogatório da polícia mas que “como ele não está com esse valor em mãos, é difícil fazer a devolução”.

Os jornalistas perguntaram se ele gastou esse dinheiro. “Esse entendimento está correto”, respondeu o advogado. Segundo a defesa, a polícia local ainda não devolveu o smartphone usado pelo seu cliente, por isso, a prefeitura não consegue fazer contato com ele. E isso teria gerado um mal entendido.

“Ele responderá ao interrogatório da polícia. Para o processo civil, vamos verificar a denúncia e considerá-la”, declarou o advogado. Também manifestou desejo de negociar com a prefeitura para resolver esse caso. 

Fontes: NHK e TNC

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância