Suzuki suspende produção de uma planta

A montadora japonesa informou sobre a paralisação em uma de suas plantas de veículos acabados.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Every da Suzuki (HP)

A montadora de veículos Suzuki anunciou na segunda-feira (9) a paralisação da produção da planta doméstica de Iwata (Shizuoka) por dois dias. A suspensão é na segunda e terça-feira (10).

Publicidade

Informou que o motivo é pela falta de fornecimento de autopeças do exterior, por causa da pandemia do novo coronavírus.

A Suzuki vem suspendendo a operação de fábricas domésticas de veículos acabados a partir de setembro de 2021, por causa da forte disseminação do coronavírus no Sudeste Asiático, onde ficam seus principais fornecedores.  

Foi forçada a reduzir a produção do plano de produção inicial.

A planta de Iwata, paralisada desta vez, produz veículos como Every Wagon Every e Carry. 

Fontes: release e Response

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Porta-aviões da China e outros navios em águas japonesas

Publicado em 9 de maio de 2022, em Política

Um navio de guerra da China foi flagrado fazendo exercícios com seus aviões em águas do território japonês, por 5 dias consecutivos, além de outras embarcações.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Porta-aviões Lianoning da China em águas japonesas (MOD via FNN)

O Gabinete de Estado-Maior Conjunto do Ministério da Defesa do Japão (MOD) anunciou no domingo (8) que havia aviões de combate e helicópteros a bordo do porta-aviões Liaoning da Marinha da República Popular da China, fazendo voos no sul de Okinawa, no sábado (7).

Publicidade

Os exercícios dos caças e helicópteros decolando e pousando no Liaoning, foram confirmados por 5 dias consecutivos. No sábado treinaram das 9h às 19h.

O navio de escolta da Força de Autodefesa Marítima do Japão, o Izumo, o qual tem helicópteros a bordo, monitorou essas ações da China, analisando-as com cautela, já que o país parece estar querendo melhorar a capacidade operacional desse porta-aviões. 

Helicóptero e avião fazendo treinamento a partir do navio de guerra da China (MOD via FNN)

De acordo com o Ministério da Defesa do Japão, no sábado, o Liaoning parado a 150km de Ishigaki, não estava sozinho no treinamento das aeronaves. Havia 2 destróieres de mísseis guiados e um navio de apoio de combate rápido.

O Liaoning (遼寧) é um navio de guerra construído pela então União Soviética, para a marinha chinesa.

Mais navios na segunda-feira

Segundo informações da Guarda Costeira do Japão, foram vistos e estão sendo monitorados dois navios da guarda costeira da China, por volta das 7h de segunda-feira (9).

Ilhas onde os navios chineses estão incomodando (NHK)

Entraram nas águas territoriais do Japão, ao sul da província de Okinawa, a cerca de 20km de Minami Kojima, se aproximando dos navios pesqueiros japoneses. Para protegê-los, os navios da Guarda Costeira navegam nas imediações, pedindo para que as embarcações chinesas deixem as águas territoriais imediatamente.

O Gabinete do Primeiro-Ministro está coletando informações e monitorando essas ações, pois é a sétima vez este ano. 

Fontes: FNN, NHK e Mainichi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância