Terremoto incomum ocorrido em Mie causa tremores em Kanto

Na segunda-feira ocorreram 2 terremotos relativamente fortes, mas com intensidade fraca. Na manhã de terça-feira ocorreu um abalo forte em Papua Nova Guiné.

Terremoto chamado de intensidade sísmica anormal, pois o hipocentro foi em Mie, conforme mostrado em X (NHK)

Às 17h33 de segunda-feira (9) ocorreu um terremoto com epicentro na Baía de Ise, província de Mie, de magnitude 5,1, cujo hipocentro foi a 340 quilômetros de profundidade. 

Publicidade

Acontece que não abalou as cidades de Mie, mas sim as das regiões Tohoku e Kanto. Segundo a Agência de Meteorologia do Japão (AMJ) esse tipo de terremoto é chamado de intensidade sísmica anormal, pois o tremor ocorre em zonas distantes porque o hipocentro foi muito profundo.  

Foram registrados tremores de intensidade sísmica 1 e 2, em Chiyoda, Tóquio; nas cidades de Fukushima, Ibaraki, Tochigi, Saitama e outras. Mas, sem alerta de tsunami.

Terremoto em Taiwan estremece Okinawa

Imagem: Tenki

Nesse mesmo dia, às 15h23, ocorreu um terremoto de magnitude 6,6 na costa de Taiwan, a 20km de profundidade, causando tremores em Okinawa, especialmente em Yonaguni, de intensidade 3 e em outros locais foi de 2.

Inicialmente foi dado alerta de tsunami e logo em seguida mudado para alteração da maré.

Forte terremoto em Papua Nova Guiné

A estrela é onde foi o hipocentro do terremoto em Papua Nova Guiné (USGS)

Às 7h33 (horário do Japão) de terça-feira (10) ocorreu um terremoto de magnitude 6,3 a 179km a sudoeste de Lorengau, em Papua Nova Guiné. Foi a uma profundidade de 10km, segundo informação do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS).

Até as 8h30 não havia notícias de danos humanos e materiais.

Fontes: NHK, Tenki, USGS e News Digest

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

TDK construirá fábrica de componentes para veículos elétricos no Japão

Publicado em 10 de maio de 2022, em Sociedade

A nova instalação produzirá capacitores de cerâmica multinível e ficará perto de uma fábrica existente na província de Iwate.

O investimento na construção de nova fábrica da TDK será de 50 bilhões de ienes (banco de imagens)

A fabricante japonesa de eletrônicos, TDK, gastará cerca de ¥50 bilhões (US$383 milhões) para construir um fábrica nacional que produz peças para veículos elétricos (VEs), soube o site Nikkei, em uma medida que segue uma tendência crescente de fixar capacidade na no país devido a pressões nas redes de fornecimento e o iene fraco.

Publicidade

A nova instalação produzirá capacitores de cerâmica multinível e ficará perto de uma fábrica existente em Kitakami (Iwate). Até o fim de 2024 a futura fábrica deve estar em funcionamento.

A TDK se junta a outras companhias japonesas na construção de plantas domésticas em resposta a preocupações com a segurança econômica relativas à China, principalmente à luz das atuais tensões de Pequim com Washington.

A rede de fornecimento internacional interrompida devido à pandemia também é um fator.

Fonte: Asia Nikkei

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros