EUA sinalizam risco de inflamação no coração após vacina da Novavax

No teste da Novavax com cerca de 30 mil pacientes, houve 4 casos de um tipo de inflamação chamada miocardite.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Frascos de vacina da Novavax (ilustrativa/banco de imagens)

A Administração de Alimentos e Medicamentos dos EUA (FDA) levantou preocupações sobre um possível risco de inflamação no coração em decorrência da vacina contra covid-19 da Novavax, mesmo com dados da companhia mostrando que o imunizante poderia reduzir as chances de doença leve à severa.

Publicidade

No ensaio clínico da Novavax com cerca de 30 mil pacientes, conduzido entre dezembro de 2020 e setembro de 2021, houve 4 casos de um tipo de inflamação chamada miocardite detectados dentro de 20 dias após a aplicação da dose à base de proteínas.

“Esses eventos aumentam as preocupações para uma associação causal com essa vacina, similar à associação documentada com as vacinas de mRNA”, escreveu um funcionário da FDA em documentos divulgados em 3 de junho.

As ações da Novavax caíram cerca de 14% após a análise da FDA de dados do ensaio da companhia.

A FDA disse que havia pedido à Novavax que sinalizasse a miocardite e um outro tipo de inflamação no coração, a pericardite, como um “risco identificado importante” em seus materiais. A companhia ainda não concordou em fazer isso.

O que são a miocardite e pericardite

Miocardite é a inflamação do músculo cardíaco e pericardite é a inflamação do revestimento externo do coração.

Em ambos os casos, o sistema imunológico causa uma inflamação em resposta a uma infecção ou algum outro fator.

Os sintomas podem incluir dor no peito, falta de ar ou palpitações.

Fonte: Channel News Asia

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Japonês de 83 anos é o mais velho no mundo a cruzar o Pacífico em viagem solo sem paradas

Publicado em 5 de junho de 2022, em Notícias do Mundo

Kenichi Horie chegou ao Japão no sábado, completando sua viagem transpacífica em 69 dias após deixar os EUA em março.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Kenichi Horie chegou ao Estreito de Kii na costa oeste do Japão no sábado, 4 de junho (NHK)

Um aventureiro japonês de 83 anos retornou para casa no sábado (4) após completar com sucesso sua viagem solo, sem paradas, pelo Pacífico, tornando-se a pessoa mais velha no mundo a atingir o marco.

Publicidade

Kenichi Horie chegou ao Estreito de Kii na costa oeste do Japão, completando sua viagem transpacífica em 69 dias após deixar um porto de iates em São Francisco, Califórnia, nos EUA, em março.

Essa foi a mais recente conquista para o aventureiro octogenário, que em 1962 se tornou a primeira pessoa no mundo a completar com sucesso uma viagem solo sem paradas pelo Pacífico, do Japão a São Francisco.

Sessenta anos depois ele viajou pela rota oposta.

Eu acabei de cruzar a linha final. Estou cansado”, escreveu ele em seu blog após chegar ao Japão nas primeiras horas de sábado.

O retorno de Horie ao Japão o torna a pessoa mais velha do mundo a concluir uma travessia solo e sem paradas do Pacífico, de acordo com seus patrocinadores.

Horie também conquistou várias outras viagens solo de longa distância, incluindo velejar pelo mundo em 1974.

Fonte: ABC News Go

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência