Europa verá ‘alto níveis’ de covid-19 neste verão

Os casos de covid-19 triplicaram no último mês, entre 53 países que formam a região europeia da OMS.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Santorini, na Grécia, verão de 2020 (banco de imagens)

A Organização Mundial da Saúde (OMS) disse na quinta-feira (30) que espera “altos níveis” de covid-19 na Europa neste verão e pediu aos países que monitorem a propagação, visto que os casos triplicaram no último mês.

Publicidade

“Como os países por toda a região europeia suspenderam restrições da covid-19, o vírus poderá ser transmitido a altos níveis no verão”, disse à agência de notícias AFP o diretor regional da OMS na Europa, Hans Kluge.

Com a subvariante BA.5 da ômicron, mais leve porém mais contagiosa, se espalhando por todo o continente, os 53 países na região europeia da OMS estão atualmente registrando cerca de 500 mil casos diariamente, de acordo com dados da organização.

Isso é uma alta de cerca de 150 mil casos diários no fim de maio.

Áustria, Chipre, França, Alemanha, Grécia, Luxemburgo e Portugal foram os países com as maiores taxas de incidência, com quase todos as nações na região vendo aumento de casos.

Após registrar cerca de 4.000 a 5.000 mortes por dia em grande parte do inverno, atualmente a Europa está constatando cerca de 500 óbitos diários, o mesmo nível do verão de 2020.

Fonte: Straits Times

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Calor recorde de 40,3ºC e muitas cidades tiveram mais de 38ºC

Publicado em 1 de julho de 2022, em Tempo

Em uma cidade de Gunma foi constatado calor recorde. Em outras cidades de Kanto e Tokai as temperaturas subiram para além do normal.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem ilustrativa de termômetro (Wikimedia)

O primeiro dia do mês de julho começou com recorde de temperatura. Segundo a Agência de Meteorologia do Japão (AMJ) o termômetro chegou a 40,3ºC em Miyako-machi, cidade de Isesaki (Gunma), às 15h37 de sexta-feira.

Publicidade

É a segunda vez que se observa uma temperatura tão elevada na província de Gunma, pois em 4 de julho de 1998 o registro foi em Takasaki, marcando recorde no Japão, o que se repetiu em 2022.

Em várias cidades de Kanto-Koshin e Tokai foi constatado calor considerado perigoso, com mais de 37 graus Celsius, após as 14h:  

  • 40,2 em Koshu (Yamanashi)
  • 40,1 em Hatoyama (Saitama)
  • 40 em Tajimi (Gifu) e Kumagaya (Saitama)
  • 39,9 em Sano (Tochigi)
  • 39,8 em Toyota (Aichi) e em Hatoyama (Saitama)
  • 39,6 em Tatebayashi (Gunma)
  • 39,5 em Kiryu (Gunma)
  • 38,3 em Nagoia (Aichi)
  • 38,1 em Osaka (província homônima)
  • 37,8 em Quioto (província homônima)

Foi a primeira vez este ano que foram constatadas temperaturas superiores a 35ºC em mais de 200 pontos de observação do país.

Há previsão de continuidade desse calor no sábado (2), especialmente nas regiões Kanto-Koshin e Tokai.

O governo recomenda muito cuidado contra a insolação e a hipertermia por causa dessa onda de calor.

Fontes: News Digest, WeatherNews e NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência