Fabricantes de pneus no Japão aumentam preços novamente

Os preços estão aumentando pela segunda vez neste ano, enquanto a invasão da Rússia à Ucrânia fez disparar os custos de matéria-prima.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

As fabricantes de pneus culpam os custos em alta de matérias-primas (NHK)

Fabricantes de pneus no Japão estão aumentando os preços de seus produtos pela segunda vez neste ano, enquanto a invasão da Rússia à Ucrânia fez disparar os custos de matéria-prima.

Publicidade

A líder da indústria, a Bridgestone, aumentará os preços de produtos, incluindo pneus de verão e inverno para carros de passageiros, em 3 a 8 por cento. Os aumentos começarão a partir de setembro.

Essa é a primeira vez em 14 anos que a companhia aumenta preços de fábrica duas vezes no ano. Os aumentos anteriores ocorreram em abril.

A Sumitomo Rubber, a Yokohama Rubber e Michelin também aumentarão os preços pela segunda vez em 2022, dessa vez em até 8 por cento.

A Sumitomo começará a cobrar mais a partir de setembro, enquanto a Yokohama e a Michelin farão isso a partir de outubro.

Enquanto isso, a Toyo Tire aumentará os preços em até 10 por cento com início em janeiro. A medida virá 1 ano após seu último aumento.

As companhias culpam os custos em alta de matérias-primas como petróleo bruto e nafta, que é usada para fabricar borracha sintética. Elas dizem que estão impedidas de absorver esses aumentos através de outros esforços de cortes de custos.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Japan Post fecha 170 agências devido a infecções por coronavírus

Publicado em 28 de julho de 2022, em Sociedade

O Japan Post diz que que entregas postais não estão sendo afetadas.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

A Japan Post diz que o número de locais fechados tem aumentado desde meados de julho (NHK)

O Japan Post diz que 170 agências em todo o país estão fechadas desde a terça-feira (26) porque funcionários foram infectados pelo coronavírus, ou foram designados como contatos próximos.

Publicidade

A empresa diz que o número de locais fechados tem aumentado desde meados de julho, e a maioria deles são agências pequenas com poucos funcionários.

Muitas delas suspenderam os serviços de balcão, assim como de ATMs, e ainda é incerto quando eles serão retomados.

O Japan Post diz que quando funcionários contraem o vírus ela vem enviando pessoal de agências próximas, mas tornou-se impossível continuar fazendo isso em alguns casos. Por outro lado, a companhia diz que entregas postais não estão sendo afetadas.

Fonte: NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência