Sexta-feira: 50 mil novos casos de coronavírus no Japão

Desde 14 de abril não havia resultado na faixa dos 50 mil novos casos.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

SARS-CoV-2 (CDC)

O Japão teve 50.107 testados positivo para o novo coronavírus na sexta-feira (8), aumentando a soma cumulativa para 9.600.676 pessoas infectadas nesta epidemia.

Publicidade

As províncias com maiores números são as listadas abaixo.

  1. Tóquio: 8.777
  2. Osaka: 4.805
  3. Kanagawa: 3.677
  4. Fukuoka: 3.067
  5. Aichi: 2.820
  6. Okinawa: 2.417
  7. Chiba: 2.258
  8. Saitama: 2.281
  9. Hyogo: 2.201

Outras províncias com números preocupantes.

  • Kumamoto: 1.672
  • Shizuoka: 1.034
  • Hokkaido: 887

Óbitos, recuperações e pacientes em tratamento

O dia teve 28 óbitos, sendo 3 em Chiba e em Osaka, 2 em Kanagawa e em Quioto, além de outras províncias.

São 307.470 pacientes em tratamento.

Em contrapartida, são 9.261.800 pessoas recuperadas da covid.

Veja os dados dos testados positivo, por província no Japão.

REGIÃO
PROVÍNCIA TOTAL
Hokkaido 887
Tohoku
Aomori 405
Iwate 203
Miyagi 432
Akita 125
Yamagata 157
Fukushima 216
Kanto
Ibaraki 490
Tochigi 285
Gunma 396
Saitama 2.281
Chiba 2.258
Tóquio 8.777
Kanagawa 3.677
Hokuriku
Niigata 307
Toyama 243
Ishikawa 275
Fukui 269
Koshin
Yamanashi 183
Nagano 317
Tokai
Gifu 638
Shizuoka 1.034
Aichi 2.820
Mie 553
Kinki
Shiga 333
Quioto 963
Osaka 4.805
Hyogo 2.201
Nara 454
Wakayama 422
Chugoku
Tottori 243
Shimane 674
Okayama 389
Hiroshima 586
Yamaguchi 290
Shikoku
Tokushima 134
Kagawa 192
Ehime 605
Kochi 203
Kyushu
Fukuoka 3.068
Saga 683
Nagasaki 555
Kumamoto 1.672
Oita 585
Miyazaki 557
Kagoshima 823
Okinawa 2.417
Aeroportos 25
TOTAL GERAL 50.107
Fontes: News Digest e NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Abe morreu no hospital em Nara em consequência dos tiros

Publicado em 8 de julho de 2022, em Política

O ex-primeiro-ministro baleado durante um discurso para apoio à campanha eleitoral morreu no hospital.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem de arquivo da KTV

O ex-primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, 67 anos, morreu às 17h03 de sexta-feira (8), no hospital onde foi transportado para o tratamento, em Nara, após levar tiros nas costas, quando tinha começado o discurso de apoio aos candidatos locais do Partido Liberal Democrático (PLD).

Publicidade

Ele recebeu massagem cardíaca dentro do Doctor Heli que o transportou, pois foi retirado do local já com parada cardiorrespiratória.

Ele decidiu ir a Nara e Quioto no dia anterior para a campanha eleitoral. Um japonês que confessou “mirei querendo matá-lo”, foi preso logo depois dos disparos.

Com o óbito da vítima, a polícia de Nara deverá mudar a suspeita de tentativa para homicídio.

Quem era Abe

De uma família tradicional de políticos, Shinzo Abe, toquiota, é formado em Administração Pública, membro do PLD e foi primeiro-ministro por 4 mandatos.

Ele teve uma passagem de 3 anos como assalariado na Kobe Steel e em 1992, inicia na política como assessor de seu pai, então ministro das Relações Exteriores.

Em 1987 se casa com Akie, então funcionária da Dentsu e filha mais velha do dono da Morinaga. Continuou sua carreira como político, conservador e nacionalista. Em 1995 foi um dos indicados por Junichiro Koizumi nas eleições presidenciais do PLD. 

Será sempre lembrado pelo Abenomics, uma política que adotou medidas econômicas de flexibilização monetária ousada, mobilização fiscal ágil e estratégias de crescimento que estimulam o investimento privado. 

Foi no seu governo que concedeu 100 mil ienes de benefício para cada cidadão do país, no começo da epidemia do novo coronavírus. 

Abriu as portas do Japão para o mundo dos negócios com o exterior, criou o Asia Gateway Concept, incluiu o Japão no TPP – Transpacific Partnership, um acordo comercial entre 12 países.

No âmbito das relações exteriores estabeleceu contatos com os presidentes dos EUA, dos países da Ásia, Europa, Rússia, Austrália e China.

Fontes: NHK, FNN e KTV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência