EUA sancionam ‘namorada’ de Vladimir Putin

A reputada namorada do presidente Vladimir Putin foi sancionada pelos EUA como parte de uma série de medidas visando elites russas pela invasão do Kremlin à Ucrânia.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Putin e Kabaeva no ano de 2005 (WikimédiaCommons/Russian Presidential Press and Information Office)

O Departamento do Tesouro dos EUA sancionou na terça-feira (2) a reputada namorada do presidente Vladimir Putin como parte de uma série de medidas visando elites russas na mais recente tentativa da administração de Biden em punir o Kremlin por sua guerra na Ucrânia em curso.

Publicidade

Alina Maratovna Kabaeva, que está romanticamente ligada ao líder russo, foi sancionada “por ser ou ter sido líder, autoridade, alta executiva ou membro do conselho de diretores do Governo da Federação Russa”, de acordo com uma declaração do Departamento do Tesouro.

A declaração descreve Kabaeva, de 39 anos, como tendo “uma relação próxima a Putin”. Ela é ex-membro do Duma (parlamento russo) “e atualmente é a chefe do Grupo de Mídia Nacional, um império de televisão, rádio e organizações de impressão pró-Kremlin.

Em abril, o Wall Street Journal divulgou que sancionar Kabaeva estava sob consideração pelos EUA, mas havia preocupação de que tal ação inflamaria tensões dada a proximidade dela a Putin.

Kabaeva foi sancionada anteriormente pela União Europeia e Reino Unido.

Além de Kabaeva, o Departamento do Tesouro anunciou sanções contra vários outros oligarcas, uma principal empresa de aço e duas de suas subsidiárias, assim como uma instituição financeira acusada de comandar uma operação de evasão de sanções e seu diretor-geral.

Fonte: CNN

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

Sinais de neutralização do iene na quarta-feira

Publicado em 3 de agosto de 2022, em Economia

Depois que a taxa de câmbio do iene valorizou no mercado de Tóquio, na terça, chegando a 130 em relação ao dólar, na quarta-feira parece que entra na neutralização.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Imagem ilustrativa da NHK

Na quarta-feira (3) o mercado deu sinais de neutralização da moeda japonesa, a qual ficou na casa dos 132,50 a 133 ienes em relação ao dólar americano, no mercado de Nova Iorque.

Publicidade

Com a visita da representante norte-americana Nancy Pelosi a Taiwan, na terça-feira (2), levantaram-se preocupações de conflito entre a China e EUA, um dos fatores da valorização da moeda japonesa, chegando a ¥130 por dólar

Abriu uma diferença favorável de 9 ienes, pois em 14 de julho o mercado de câmbio registrou ¥139 por dólar.

Outro fato é a disseminação da visão de que o ritmo de aumento das taxas de juros nos Estados Unidos diminuirá devido a preocupações com uma desaceleração econômica.

Fontes: NHK, NTV e Gaitame

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência