McDonald’s anuncia reabertura de unidades na Ucrânia

Em 11 de setembro, a rede anunciou que restaurantes ucranianos seriam reabertos em estágios.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Fachada de uma unidade da McDonald’s em Kiev, na Ucrânia (banco de imagens)

Os primeiro três restaurantes da McDonald’s reabrirão em Kiev nesta terça-feira (20), de acordo com um anúncio feito por Alesya Mudzhyri, chefe do departamento de comunicações da rede na Ucrânia.

Publicidade

“Primeiro os restaurantes serão reabertos apenas para entrega e os saguões, janelas expressas e o McDrive voltarão a funcionar em outubro”, escreveu ela.

Em cerca de 1 semana, mais 7 estabelecimentos em Kiev retomarão o trabalho, e depois o restante dos restaurantes abrirão na capital ucraniana e em várias cidades no oeste do país.

Os restaurantes da McDonald’s em Kiev e no oeste da Ucrânia serão reabertos “em estágios ao longo de 2 meses”.

Com o início da invasão da Rússia à Ucrânia em 24 de fevereiro, a McDonald’s decidiu sair completamente do Kremlin e vender seus negócios no país.

Ao mesmo tempo, devido a medidas de segurança, a McDonald’s também fechou estabelecimentos na Ucrânia. Em 11 de setembro, a rede anunciou que restaurantes ucranianos seriam reabertos em estágios.

Fonte: Euromaidan Press

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Estações de metrô no Japão são listadas como abrigos contra mísseis

Publicado em 20 de setembro de 2022, em Sociedade

Mais de 400 paradas subterrâneas foram designadas em junho, cerca de triplo do número antes da invasão russa em fevereiro.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Estação de metrô em Osaka (banco de imagens)

Alarmadas pela crise na Ucrânia, autoridades locais estão listando estações do metrô como abrigos de emergência temporários para cidadãos na ocasião de um ataque de mísseis ou outros.

Publicidade

Mais de 400 paradas subterrâneas foram designadas em junho, cerca do triplo do número antes da invasão russa em fevereiro.

“Aceleramos os procedimentos de designação porque a invasão aumentou nossa conscientização sobre a crise”, disse um funcionário do governo metropolitano.

Em maio, o governo metropolitano em Tóquio listou 105 estações ao longo das linhas Toei Subway e Tokyo Metro como abrigos de emergência.

Autoridades esperam que as pessoas se abrigando nesses lugares se desloquem para outros locais em 1 ou 2 horas porque estações do metrô são designadas para servir apenas como instalações de evacuação temporárias.

O governo provincial de Osaka, assim como os governos municipais de Osaka e Sakai, designaram 108 estações na Osaka Metro em março.

Na Ucrânia, cidadãos evacuaram para instalações de metrô destinadas a proteção contra mísseis russos que atingiram suas cidades.

Preocupações continuam de que muitas estações do metrô no Japão estão situadas em locais superficiais.

A estação de Roppongi na linha Toei Oedo de Tóquio, a estação de metrô no Japão mais profunda, fica a uma profundidade de 42.3 metros, enquanto algumas paradas subterrâneas na Ucrânia estão situadas a mais de 100 metros abaixo da superfície.

“Evacuação para estações de metrô deve aumentar a probabilidade de sobrevivência (no caso de um ataque com míssil), embora isso não possa ser chamado de infalível”, disse Mitsuru Fukuda, professor de estudo de gerenciamento de risco na Universidade Nihon.

“Governos locais e operadoras de metrô precisam conduzir treinamento sobre como guiar de forma segura o deslocamento de cidadãos”.

Fonte: Asahi

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
UniFCV Japão - Educação a distância
Kumon - aprenda nihongo por correspondência