Trabalhador morre por ter ficado prensado no equipamento da fábrica

Ele estava operando um equipamento quando seu colega viu que a parte superior do corpo estava prensada e chamou a ambulância.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Fábrica onde ocorreu o acidente com o trabalhador (NHK)

Por volta das 13h de quarta-feira (28), a ambulância foi chamada para atender uma ocorrência com um trabalhador na fábrica Daido Toryo Shiga, situada em Miyake-cho, cidade de Moriyama (Shiga).

Publicidade

Segundo a polícia, um trabalhador de 23 anos, cujo nome e nacionalidade não foram divulgados, que estava operando uma máquina batedeira com cilindro na fabricação de tintas, teve a parte superior do corpo envolvida nela. 

Um colega viu a cena e pediu socorro. O trabalhador, vítima desse incidente, foi levado para o hospital já inconsciente mas morreu cerca de uma hora depois por asfixia.

De acordo com as informações da polícia, essa máquina é composta por um contentor de cerca de 80 de altura por 90 centímetros de diâmetro, com um cilindro para a mistura e, ao parecer, o trabalhador foi prensado.

Ele trabalhava sozinho e foi aberta investigação para apurar se foi acidente industrial, conferindo todos os detalhes minuciosamente. 

Fontes: NHK e Kyoto Shimbun

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Vice-presidente dos EUA se reúne com empresários de semicondutores do Japão

Publicado em 29 de setembro de 2022, em Economia

Ela ressaltou a importância do Japão na cadeia de suprimentos de semicondutores e também explicou sobre a nova lei para pesquisa e fabricação nos EUA.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Vice-presidente recebeu executivos de 13 fabricantes de semicondutores do Japão na casa do embaixador dos EUA (JNN)

A vice-presidente dos EUA, Kamala Harris, em visita ao Japão por causa do funeral de estado do ex-premiê Shinzo Abe, convidou os empresários japoneses fabricantes de semicondutores para uma reunião na residência oficial do embaixador americano, na quarta-feira (28).

Publicidade

Estiveram à mesa, executivos de 13 empresas, incluindo a Tokyo Electron e Nikon, para ouvi-la sobre uma nova lei destinada a aumentar a competitividade com a China que autoriza 52 bilhões de dólares para pesquisa e fabricação de semicondutores nos EUA.

Kamala Harris, a vice-presidente dos EUA (JNN)

Destacou que o Japão tem papel crucial na cadeia de suprimentos de semicondutores. “Também entendemos que nenhum país pode atender às necessidades do mundo sozinho nesta questão. É importante que os Estados Unidos e nossos aliados trabalhem juntos de forma a permitir que eles cresçam e funcionem em um nível muito prático”, pontuou Harris.

A visita de quatro dias de Harris ao Japão e à Coreia do Sul visa fortalecer os laços econômicos e de segurança entre os EUA e seus aliados asiáticos. A Seoul Keizai Shimbun, da Coreia do Sul, informou, citando um funcionário da indústria, que a nova aliança de semicondutores, que inclui Japão, Estados Unidos e Coreia do Sul, além de Taiwan, realizou sua primeira reunião preliminar na terça-feira (27).

Além disso, a vice-presidente enfatizou a importância de fortalecer a cooperação entre Japão e Estados Unidos em relação à segurança econômica, por causa dos movimentos hegemônicos da China e da invasão russa na Ucrânia.  

Fontes: JNN e Bloomberg

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância