Anorexia: pandemia duplica casos entre crianças

Especialistas estão preocupados com os efeitos da pandemia na saúde das crianças.

Imagem: ANN

Segundo relatório feito pela Sociedade Japonesa de Distúrbios Alimentares (JSED), 610 pacientes foram diagnosticados com “anorexia” devido a restrições alimentares excessivas, o que representa um aumento de 52% em relação a 2019, ano de início da pandemia.

Publicidade

Os especialistas estão preocupados principalmente com o aumento dos casos de anorexia entre alunos do ensino fundamental (shogakko) e ensino médio  (chugakko), incluindo crianças com menos de 10 anos de idade. Neste ano, foram registrados aproximadamente o dobro de casos em relação a 2019.

Ken Inoue, professor assistente da Dokkyo Medical University Saitama Medical Center comenta: “Devido à crise da coronavírus, as escolas foram fechadas repentinamente, e os alunos do ensino fundamental e médio tiveram menos oportunidades de ir à escola. A  comunicação (com outros alunos) é um grande fator para reduzir o estresse.”

O professor também enfatiza os efeitos da anorexia. “Devido à falta de alimentos e água, a desnutrição pode continuar por muito tempo. Há casos em que o volume do cérebro do paciente diminui (devido à falta de nutrientes)”.

Inoue também ressalta que existem outros efeitos, como desequilíbrio hormonal e suscetibilidade a ossos quebrados.

O professor pede para os adultos ficarem mais atentos aos sintomas da doença, e criarem um ambiente no qual seja fácil para as crianças falarem sobre suas preocupações.

Fonte: ANN

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Aumenta o número de mortes na tragédia do Halloween em Seul

Publicado em 31 de outubro de 2022, em Ásia

Dentre o total de vítimas fatais na noite do Halloween, 26 são estrangeiros, incluindo 2 japonesas. Veja como estava o beco pouco antes da tragédia, no vídeo.

Ambulâncias na avenida pois era impossível entrar no beco onde ocorreu a tragédia (JNN)

Segundo informações das autoridades de Seul, capital da Coreia do Sul, o número de vítimas fatais da pior tragédia, ocorrida na noite de sábado (29), aumentou para 154, incluindo 26 estrangeiras.

Publicidade

O número de mortos pode aumentar ainda mais, já que outras 33 pessoas permanecem em estado grave, de acordo com funcionários da Sede Central de Contramedidas de Desastres e Segurança. Um total de 116 pessoas sofreram ferimentos leves, disseram eles.

As 26 vítimas fatais estrangeiras são 5 do Irã, 4 da China e da Rússia, 2 dos Estados Unidos, 2 do Japão e uma da França, Austrália, Noruega, Áustria, Vietnã, Tailândia, Cazaquistão, Uzbequistão e Sri Lanka, disseram as autoridades.  

Uma das vítimas fatais do Japão foi uma pessoa na faixa da adolescência e a outra foi 冨川芽生, 26, de Nemuro (Hokkaido). Segundo seus pais enlutados, ela estava estudando na Coreia do Sul e vivia em Seul. Nessa noite, enviou uma mensagem de texto através do LINE para sua mãe dizendo que ia sair com uma amiga da França para ver o Halloween.

Mortes por “esmagamento”

A tragédia aconteceu na noite de sábado, quando uma enorme multidão de festeiros de Halloween lotou um beco estreito de 3,2 metros de largura no distrito de entretenimento de Itaewon, em Seul.

Alguns deles começaram a cair, fazendo com que outros caíssem como dominós e se empilhassem uns sobre os outros. As mortes ocorreram por “esmagamento”.

Essa tragédia marcou a multidão mais mortal da história da Coreia do Sul e o pior desastre que o país viu desde 2014, quando a balsa Sewol afundou nas águas da costa sul e matou 304 pessoas, a maioria estudantes do ensino médio.

Um japonês fez uma transmissão ao vivo da noite de Halloween nessa área e mostrou as cenas de como estava essa rua, pouco antes do acidente. Ele disse para a NHK que ao ver aquela multidão “se caísse pensei que iria morrer”, pois as pessoas estavam em uma situação de aperto pior do que um trem ou metrô lotado. Assista ao vídeo.

Fontes: Yonhap News, JNN, Mainichi e NHK 

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros