Carro despencou 55 metros, causando morte, e quase atropela centena de pessoas

O acidente fatal ocorreu em um ponto turístico da província de Shizuoka, onde havia mais de uma centena de visitantes.

Carro sendo içado pelo guincho (SBS)

O carro que caiu 55 metros em uma encosta foi retirado por um serviço de guincho na segunda-feira (7), dois dias depois do acidente fatal. Ao ser retirado se viu a gravidade, pois a parte frontal estava com a mecânica à mostra.

Publicidade

O acidente ocorreu no sábado (5), no estacionamento do ponto turístico da Cascata de Joren, na cidade de Izu (Shizuoka). É provável que ao estacionar o carro o motorista tenha errado a manobra e despencou 55 metros abaixo, parando porque foi amparado por uma árvore.

Imagem enviada por um telespectador da SBS no dia do acidente

Se não tivesse a barreira da árvore, teria caído de bico na passarela onde mais de uma centena de visitantes estavam passando para apreciar o colorido do outono nas imediações da cascata.

O socorro foi acionado por uma pessoa que viu o acidente. O motorista, de 67 anos, foi retirado e está internado por causa da fratura da clavícula. No entanto, sua esposa, 65, que estava no banco do passageiro, morreu.

Segundo a polícia, o carro ultrapassou uma barreira de concreto do estacionamento, rompeu um cercado de metal e caiu, mas ainda não foi esclarecido como ocorreu o acidente, por isso, continua a investigação.

Parte frontal do carro mostra a gravidade de acidente (SBS)

Fontes: SBS e Yomiuri

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Duas subvariantes da ômicron confirmadas em Quioto

Publicado em 8 de novembro de 2022, em Sociedade

Foram confirmadas as cepas BQ.1 e XBB.1 na província de Quioto, possivelmente por infecção transmitida localmente.

Imagem ilustrativa de coronavírus (PxHere)

O governo da província de Quioto informou na segunda-feira (7) sobre as confirmações dos primeiros casos das cepas BQ.1 e XBB.1, subvariantes da ômicron do coronavírus.

Publicidade

Em relação a ambas as cepas há uma preocupação em relação à diminuição da eficácia da vacinação.

A cepa BQ.1, derivada da variante ômicron, é a causa da epidemia na Europa e nos Estados Unidos. A mulher na faixa dos 30 anos, residente na cidade de Quioto, não tem histórico de viagem para o exterior. Em relação à outra, residente na região de Nantan, na casa dos 50 anos, ainda não se sabe se esteve no exterior recentemente. Pode ser que essa cepa esteja sendo transmitida localmente.

Um homem, na faixa dos 40 anos, da cidade de Quioto, teve a confirmação da infecção pela cepa XBB.1, também derivada da ômicron. Seu histórico de viagem para o exterior ainda é desconhecido.

As subvariantes da ômicron, XBB, conhecida como gryphon, e XBB.1 são altamente infecciosas e se espalham rapidamente, como já vem acontecendo nos países do sul da Ásia.

Na semana anterior, em 2 deste mês, foram confirmadas a XBB.1 em 2 pessoas testadas positivo em Kobe (Hyogo), ambas na faixa dos 70 anos, sem histórico de viagem para o exterior.

Fonte: Kyoto Shimbun 

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros