Duas subvariantes da ômicron confirmadas em Quioto

Foram confirmadas as cepas BQ.1 e XBB.1 na província de Quioto, possivelmente por infecção transmitida localmente.

Imagem ilustrativa de coronavírus (PxHere)

O governo da província de Quioto informou na segunda-feira (7) sobre as confirmações dos primeiros casos das cepas BQ.1 e XBB.1, subvariantes da ômicron do coronavírus.

Publicidade

Em relação a ambas as cepas há uma preocupação em relação à diminuição da eficácia da vacinação.

A cepa BQ.1, derivada da variante ômicron, é a causa da epidemia na Europa e nos Estados Unidos. A mulher na faixa dos 30 anos, residente na cidade de Quioto, não tem histórico de viagem para o exterior. Em relação à outra, residente na região de Nantan, na casa dos 50 anos, ainda não se sabe se esteve no exterior recentemente. Pode ser que essa cepa esteja sendo transmitida localmente.

Um homem, na faixa dos 40 anos, da cidade de Quioto, teve a confirmação da infecção pela cepa XBB.1, também derivada da ômicron. Seu histórico de viagem para o exterior ainda é desconhecido.

As subvariantes da ômicron, XBB, conhecida como gryphon, e XBB.1 são altamente infecciosas e se espalham rapidamente, como já vem acontecendo nos países do sul da Ásia.

Na semana anterior, em 2 deste mês, foram confirmadas a XBB.1 em 2 pessoas testadas positivo em Kobe (Hyogo), ambas na faixa dos 70 anos, sem histórico de viagem para o exterior.

Fonte: Kyoto Shimbun 

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Meta, dona do Facebook, fará demissões em massa nesta semana

Publicado em 8 de novembro de 2022, em Sociedade

As demissões devem afetar milhares de funcionários e um anúncio deve ocorrer já na quarta-feira (9), de acordo com as pessoas.

O anúncio das demissões da Meta deve ocorrer já nesta quarta-feira (banco de imagens)

A Meta Platforms Inc. está planejando iniciar demissões em larga escala nesta semana, segundo pessoas com conhecimento do assunto, no que poderia ser a maior rodada em uma recente série de cortes em posições de tecnologia após o rápido crescimento da indústria durante a pandemia.

Publicidade

As demissões devem afetar milhares de funcionários e um anúncio deve ocorrer já na quarta-feira (9), de acordo com as pessoas. A Meta tinha mais de 87 mil funcionários no fim de setembro.

Na história de 18 anos da companhia, as demissões planejadas seriam a primeira redução de ampla escala de pessoal.

Enquanto menor em uma base de porcentagem do que os cortes no Twitter na semana passada, os quais afetaram cerca de metade dos funcionários da empresa, o número de pessoas na Meta que deve perder o emprego poderia ser o maior até agora em uma grande corporação de tecnologia em um ano que viu uma redução de gastos na indústria da tecnologia.

Um porta-voz da Meta se negou a fazer comentários, referindo-se à declaração recente do chefe executivo Mark Zuckerberg de que a companhia “focaria nossos investimentos em um pequeno número de áreas em crescimento de alta prioridade“.

“Realisticamente, há várias pessoas na companhia que não deveriam estar aqui”, disse Zuckerberg aos funcionários em uma reunião da companhia no fim de junho.

Fonte: The Wall Street Journal

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros