Festival destacando o superstar Takuya Kimura atrai multidões para ruas de Gifu

O Gifu Nobunaga Festival culminou no domingo com um desfile de pessoas vestidas como samurais, liderado pelo ator Takuya Kimura.

Takuya Kimura representa o papel do lorde feudal do século 16, Oda Nobunaga (YouTube/ANN)

Autoridades locais na cidade de Gifu (província homônima) estavam em alerta máximo no domingo (6) quando 460 mil pessoas, mais do que a população local, seguiram para um festival a fim de ver um superstar japonês vestido como senhor de guerra conduzindo um cavalo.

Publicidade

O Gifu Nobunaga Festival ocorreu sem grandes problemas, embora 3 mulheres tenham sido levadas para o hospital com ferimentos leves. Medidas rigorosas de controle de multidão estavam em curso.

O festival de 2 dias, que começou no sábado (5), culminou no domingo com um desfile de pessoas vestidas como samurais, liderado pelo ator Takuya Kimura montado a cavalo e vestido como o senhor de guerra do século 16 Oda Nobunaga, que unificou metade das províncias do Japão sob seu reinado.

Kimura, membro do grupo japonês pop SMAP, ativo entre 1988 e 2016, participou de uma coletiva de imprensa em Gifu após o festival e disse: “Estou muito feliz por termos conseguido realizar o desfile com segurança sob circunstâncias controladas. Estou agradecido”.

O festival começou em Gifu no ano de 1957 para homenagear Nobunaga, o qual dizem ter contribuído para o desenvolvimento da cidade.

O modelo original era um desfile realizado em 1953 para comemorar o 400º aniversário da entrada de Nobunaga ao Castelo de Inabayama, conhecido depois como Castelo de Gifu.

Kimura representou Nobunaga no festival deste ano porque o superstar atuará como senhor de guerra no filme “The Legend & Butterfly” que será lançado no Japão em janeiro de 2023.

Fonte: Mainichi

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Coreia do Norte: operação militar em resposta ao treinamento conjunto EUA-Coreia do Sul

Publicado em 7 de novembro de 2022, em Ásia

A publicação explica que a operação militar foi um sucesso e que a Coreia do Norte usou mísseis táticos e foguetes.

Um dos mísseis da Coreia do Norte (reprodução do Rodong Sinmun via NHK)

A Coreia do Norte anunciou que realizou uma operação militar lançando mísseis balísticos por 4 dias, a partir de 2 deste mês, em resposta ao treinamento em larga escala entre as forças aéreas dos Estados Unidos e da Coreia do Sul. 

Publicidade

O jornal do Partido dos Trabalhadores da Coreia do Norte, Rodong Sinmun, publicou na segunda-feira (7) que o Departamento de Estado-Maior do Exército norte-coreano, fez essa operação militar lançando mísseis balísticos e de cruzeiro.  

Desses, na quarta-feira (2), a primeira vez foi da fronteira marítima após a divisão da Coreia do Sul e do Norte, lançando 4 mísseis balísticos táticos simulando um ataque a uma base da força aérea inimiga, em alto mar a 80 quilômetros da costa de Ulsan.

Reprodução do Rodong Sinmun via NHK

Além disso, no dia seguinte, quinta-feira (3), quando um que poderia ser um míssil balístico intercontinental (ICBM), a publicação explica que “realizamos um teste de lançamento de mísseis balísticos para verificar a confiabilidade da operação das ogivas”, assumindo que foram usados foguetes e mísseis táticos.  

Os militares norte-coreanos enfatizaram ainda mais sua postura de confronto em relação aos Estados Unidos e à Coreia do Sul, afirmando que responderão “aos exercícios de guerra do inimigo com medidas militares esmagadoras”.

Lançamento de míssil (reprodução do Rodong Sinmun via NHK)

Fontes: JNN e NHK

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros