Governo pretende estender o programa de incentivo às viagens no começo de 2023

Essa é uma notícia estimulante para quem planeja viajar no feriado de Ano Novo com descontos.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Aeronave da Solaseed Air no Centrair, antes do embarque (PM)

O Ministério das Terras, Infraestruturas, Transportes e Turismo do Japão (MLIT) informou na sexta-feira (25) que continuará o programa de incentivo às viagens em todo país (全国旅行支援, lê-se zenkoku ryokou shien). 

Publicidade

Foi dado início em 10 de outubro e se encerraria em dezembro, com descontos de até 40% para estimular a economia através do turismo. Os governadores de cada província poderiam estendê-lo se assim desejassem, mas o governo do país parece estar disposto a dar continuidade no começo do ano de 2023.

Uma das condições para dar sequência é o status da epidemia do coronavírus. Se estiver em um nível que as pessoas possam viajar, o desconto de 40% será reduzido para 20% após o Ano Novo, mas ainda assim continua sendo vantajoso e estimulante.

O valor máximo que pode ser descontado é de 5 mil ienes por pessoa adulta, por pernoite e transporte, e 3 mil ienes para a viagem de ida e volta no mesmo dia. Os descontos são aplicáveis para viagens mais longas também.

Caso queira saber os destinos mais procurados para aproveitar esse programa de incentivo ao turismo toque aqui.

Fonte: NHK

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Eletricidade a partir da neve? Uma cidade japonesa acredita que isso pode ser feito

Publicado em 25 de novembro de 2022, em Sociedade

Aomori, no norte do Japão, gasta dezenas de milhões de dólares todos os anos para remover neves da estrada. Geralmente, ela é despejada no oceano.

Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis! Poderia nos ajudar compartilhando esta página?
Obrigado pela sua opinião! Informaremos os responsáveis para melhorar! Volte sempre!

Área do Asamushi Onsen em Aomori (banco de imagens)

O sol e o vento são os dois fenômenos naturais mais aproveitados para energia renovável, mas uma cidade no Japão acredita que pode explorar um recurso ignorado que ela tem em abundância: neve.

Publicidade

Um teste em Aomori, uma das cidade onde mais neva no mundo, começará no mês que vem e seguirá até março. A cidade conduzirá o teste em cooperação com a Forte, uma startup de tecnologia da informação local, junto com a Universidade de Eletrocomunicações de Tóquio.

O teste envolverá o despejo de neve removida por limpa-neves da cidade em uma piscina localizada em uma escola desativada. Eletricidade será gerada usando a temperatura diferencial entre a neve e o ar externo.

Tubos de transferência de calor serão colocados na neve, a fonte do ar frio. O ar externo, enquanto isso, é aquecido pelo sol. Essa diferença na temperatura é usada para criar uma corrente de convecção em um refrigerador dentro de uma turbina. A corrente de convecção gira a turbina para produzir eletricidade.

Koji Enoki, professor associado na Universidade de Telecomunicações, desenvolveu o sistema. Estima-se que esse processo possa produzir eletricidade tão eficiente como a energia solar.

A energia da neve deve ser gerada a custos baixos. Similarmente, a transportadora marítima japonesa Mitsui O.S.K Lines (MOL) planeja comercializar um sistema que gera eletricidade usando diferenças de temperaturas entre a superfície da água e profundidades oceânicas.

Aomori gasta dezenas de milhões de dólares todos os anos para remover neves da estrada. Geralmente, a neve é despejada no oceano.

Fonte: Asia Nikkei

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
UniFCV Japão - Educação a distância
Uninter - JAPÃO - Educação a distância