Neve mais intensa de Hokkaido a Shikoku e 10cm em Nagoia

A queda da neve está acontecendo em ampla área do país, inclusive onde não estava prevista.

Estação de Nagoia vista de cima, toda coberta de neve (CBC TV)

A onda de frio congelante do Natal se intensificou não apenas nas províncias banhadas pelo Mar do Japão, de Hokkaido a Chugoku, mas também em outras áreas, no sábado (24), véspera de Natal.

Publicidade

Em praticamente todo o país as companhias de trem estão operando com atraso ou suspensão, as aéreas cancelaram voos e o tráfego em alguns trechos das vias expressas estão suspensos. Antes de sair é melhor conferir a situação.

Nagoia teve 10 centímetros de neve

Na manhã de sábado (24) a cidade de Nagoia (Aichi) teve acúmulo de 10 centímetros de neve em 3 horas. É a primeira vez em 8 anos que cai tantos flocos brancos na capital. Também nevou em toda a província de Aichi, com mais acúmulos em Komaki, Inuyama, Konan e Iwakura.

Manhã de sábado em Nagoia, com acúmulo de neve (Nagoya TV)

A área de queda de neve foi extensa na região Tokai. Foram 11cm em Gifu (província homônima), Kakamigahara e Minokamo, 13cm em Ogaki e Sekigahara, segundo a Agência de Meteorologia do Japão (AMJ). As cidades da província de Mie também ficaram com a paisagem branca, como Kuwana, Yokkaichi, Suzuka, Kameyama e Iga.

Por causa dessa queda de neve na região Tokai, as vias expressas foram fechadas temporariamente e o shinkansen operou com atraso de até 55 minutos. 

A cidade de Nagahama (Shiga), que faz parte da região Kinki, também amanheceu branca. Dependendo do local o acúmulo foi diferente, na faixa dos 6 aos 30cm.

Neve em Hokuriku 

Segundo informações da AMJ o maior acúmulo de neve em 24h, até as 9h, foi no vilarejo de Oguni (Yamagata), chegando a 1,48 metro.

Cidade de Fukui às 6h de sábado (Fukui Shimbun)

Novamente, as províncias de Hokkaido, Tohoku e Hokuriku estão sob neve intensa. As cidades de Himi e Takaoka (Toyama) tiveram máxima de 34 e 48 centímetros de acúmulo. Na província vizinha de Ishikawa não foi diferente, com acúmulos de mais de 30cm em Kanazawa e Komatsu.

Na província de Fukui foram registrados 16cm na capital, 6cm em Echizen, 64cm em Ono e 1cm em Tsuruga.

Apagão em Izumo

Matsue (Shimane) sob tempestade de neve (NHK)

Na região Chugoku a queda de neve foi mais intensa nas áreas mais montanhosas, chegando a 90cm. Na cidades de Izumo, Oda, Hamada e outras (Shimane) ocorreu queda de energia elétrica em 640 pontos por causa de danos pela neve, no dia anterior.

Há previsão da nevasca continuar em Tottori e Shimane. A JR suspendeu a operação dos trens especiais como o Yakumo que sai de Izumo.

Nevasca continua no Natal

Mapa onde há previsão de queda de neve e nevasca no Natal (AMJ)

A nevasca em boa parte do arquipélago continua no Natal e as temperaturas estão bem baixas. 

Em áreas onde são esperadas fortes nevascas ou queda de neve, a recomendação é verificar as informações meteorológicas mais recentes e evitar sair desnecessariamente. Os motoristas devem redobrar os cuidados ao volante por causa da superfície congelada.

Além disso, é preciso muito cuidado nas tarefas de remoção do acúmulo de neve do telhado, do quintal e da calçada para evitar acidentes.   

Podem ocorrer quedas de energia elétrica devido ao acúmulo de neve nas linhas de energia.

Acompanhe a situação meteorológica atual e a previsão da neve (toque aqui).

Fontes: NHK, Nagoya TV, Fukui Shimbun, JNN, CBC TV e AMJ

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Epidemia de influenza é declarada em 6 províncias no Japão

Publicado em 24 de dezembro de 2022, em Sociedade

Seis províncias viram os números de pacientes com influenza por hospital aumentar acima do limite de 1 na semana até domingo (18).

O Ministério da Saúde do Japão está se preparando para um surto simultâneo de influenza e covid-19 (ilustrativa/banco de imagens)

A temporada de influenza começou em 6 das 47 províncias do Japão, disse o Ministério da Saúde na sexta-feira (23).

Publicidade

As 6 províncias, incluindo Iwate, Tóquio e Kumamoto, viram os números de pacientes com influenza por hospital aumentar acima do limite de 1 na semana até domingo (18).

Uma leitura acima de 1 sinaliza o início de uma epidemia. Uma pesquisa realizada pelo ministério cobre cerca de 5 mil hospitais monitorados regularmente em todo o país.

Segundo o ministério, o número nacional de pacientes de influenza dobrou a partir da semana anterior para 2.592. O número por hospital situou-se a 0.53.

Por província, o número por hospital foi o mais alto em Iwate (2.84) seguido por Toyama (1.33), Aomori (1.25), Kumamoto (1.14), Tóquio (1.12) e Kanagawa (1.05). O número em Fukuoka foi de (0.91), Osaka (0.82) e Okinawa (0.80).

Dos 53 pacientes hospitalizados desde setembro, crianças com idade igual ou inferior a 10 anos contaram por mais de 40%. Crianças pequenas podem desenvolver encefalopatia após contraírem influenza.

O Japão não passou por uma temporada de influenza nos últimos 2 anos e acredita-se que o número de pessoas com imunidade tenha diminuído de forma significativa.

O ministério está se preparando para um surto simultâneo de influenza e covid-19, incluindo melhorar os sistemas de cuidados em todo o país para aceitar até 900 mil pacientes por dia.

Dizem que o número de pacientes deve alcançar seu pico entre 6 a 8 semanas após o início de uma epidemia, disse o ministro da Saúde, Katsunobu Kato, em uma coletiva de imprensa, pedindo às pessoas que realizem medidas básicas de prevenção, como o uso de máscara.

Fonte: Japan Times

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros