Tartaruga celebra seu 190º aniversário como o animal terrestre mais velho do mundo

Acredita-se que a Jonathan, uma tartaruga-gigante-das-seychelles, é o animal terrestre mais velho do mundo.

Johnathan vive na ilha de Santa Helena no Pacífico Sul (Wikimedia Commons/Xben911)

Uma tartaruga gigante que detém o recorde por ser o animal terrestre mais velho do mundo fez 190 anos.

Publicidade

Com 1,2m, Johnathan vive na ilha de Santa Helena no Pacífico Sul, com festividades organizadas para celebrar seu aniversário sendo concluídas com um evento de 3 dias no último fim de semana.

O réptil idoso, que agora é cego, foi trazido pela primeira vez de Seychelles ao território britânico em 1882 quando tinha cerca de 50 anos.

Jonathan recebeu um presente do então governador William Grey-Wilson e viveu na Mansão Plantation House, onde o atual governador Nigel Phillips, reside desde então.

O animal viu 31 governadores irem e virem em sua vida na ilha.

A idade estimada de Jonathan foi ainda mais reforçada quando uma fotografia antiga foi descoberta, tirada entre 1882 e 1886.

Jonathan também detém o recorde por ser o quelônio vivo mais velho do mundo, um termo que junta todos os tipos de tartarugas.

Acredita-se que Jonathan tenha nascido em 1832, mas o dia exato é desconhecido

O governador Phillips assinou o aniversário oficial de Jonathan como 4 de dezembro.

Devido ao seu status, Jonathan foi imortalizado em selos e em uma moeda de cinco pences na ilha.

A tartaruga famosa perdeu o olfato, mas reconhece a voz de seu veterinário, Joe Hollins, a quem o animal associa ao ato de comer.

Fonte: Mirror

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Gripe aviária em Aichi: abate de 310 mil aves

Publicado em 5 de dezembro de 2022, em Sociedade

Uma parte das galinhas poedeiras testaram positivo para a gripe aviária, por isso, todas as 310 mil aves começaram a ser abatidas.

Equipe para abate das aves da granja em Toyohashi (Nagoya TV)

Na segunda-feira (5) o resultado do teste genético foi positivo para a suspeita de gripe aviária em uma granja na cidade de Toyohashi (Aichi), por isso, foram iniciados os abates de cerca de 310 mil frangos e galinhas. 

Publicidade

Segundo informações do governo da província de Aichi, um responsável por essa granja comunicou o Centro de Higiene Pecuária da cidade que encontrou aves mortas na manhã de domingo (4).

Das amostras de 13 aves, 6 testaram positivo, todas galinhas poedeiras. Suspeita-se que o vírus seja altamente patogênico, por isso, será feita nova análise. 

“Quero tomar todas as medidas possíveis para conter firmemente o surto e impedir que o vírus se espalhe”, disse o governador Hideaki Omura. Ele solicitou reforço da Força de Autodefesa para ajudar no abate. 

Segundo informações do governo de Aichi, fazia 11 anos que não se constatava gripe aviária

Fontes: CBC TV, Kobe Shimbun e Nagoya TV

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros