Time elege Zelensky como Pessoa do Ano 2022

A mídia americana destacou a coragem contagiante do presidente da Ucrânia.

Presidente Volodymyr Zelensky (Ukrinform)

Na quarta-feira (7), o presidente Volodymyr Zelensky, 44 anos, foi eleito pela Time como a Pessoa do Ano 2022, descrito como “o espírito da Ucrânia”, pela sua coragem inspiradora. 

Publicidade

Quando foi recomendado que deixasse o país porque sua vida corria risco, logo após a invasão pela Rússia em 24 de fevereiro, ele não titubeou em decidir ficar.

“O objetivo russo no início da invasão era matar ou capturar Zelensky e decapitar seu governo. Por que dar a eles uma chance de atacar? A razão óbvia tinha a ver com a guerra da informação, que havia se tornado a especialidade de Zelensky”, escreveu Time.

“Isso prova que a coragem pode ser tão contagiosa quanto o medo”, disse o editor-chefe da revista Time.

Permanecer no seu país “provocou uma onda de ação em todo o mundo” e desempenhou um papel decisivo na união da comunidade internacional contra a Rússia.

Seus assessores que antes o viam como frívolo devido à sua carreira como ator e comediante, “agora o admiram por sua braveza”, destacou Time.

O presidente Zelensky visitou a região leste de Donetsk na terça-feira (6) para comemorar o aniversário da fundação das Forças Armadas da Ucrânia e encorajar os soldados. Já se passaram mais de 260 dias da invasão.

No ano passado, o eleito pela Time foi Elon Musk.

Reprodução da capa da Time

Fontes: Time, Sankei, FNN, NHK e Ukrinform

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Novo teste de sangue pode detectar sinais Alzheimer anos antes dos sintomas surgirem

Publicado em 8 de dezembro de 2022, em Notícias do Mundo

Novo teste poderia ajudar a identificar pessoas sob risco de desenvolver a doença de Alzheimer e auxiliar em futuros tratamentos.

A doença de Alzheime é atualmente diagnosticada na maioria dos casos uma vez que o paciente tem um sintoma, como perda de memória (ilustrativa/banco de imagens)

Um novo teste de sangue pode detectar sinais de Alzheimer anos antes dos sintomas surgirem, o que poderia ajudar a identificar pessoas sob risco de desenvolver a doença e auxiliar em futuros tratamentos.

Publicidade

A doença de Alzheimer, a causa líder de demência, é atualmente diagnosticada na maioria dos casos uma vez que o paciente tem um sintoma, como perda de memória.

Nesse ponto, as melhores opções de tratamento disponíveis podem apenas reduzir a progressão dos sintomas.

Pesquisadores indicam que a causa suspeita da Alzheimer, um acúmulo de proteínas no cérebro, pode começar anos, ou mesmo décadas, antes do aparecimento dos sintomas que mostram dificuldade cognitiva.

Essas proteínas, chamadas de beta amiloides, se aglomeram para formar o que são chamados oligômeros, levando à Alzheimer em um processo que os cientistas ainda estão tentando compreender.

Um novo teste de sangue, desenvolvido por pesquisadores na Universidade de Washington, mede esses níveis de oligômeros de proteínas beta amiloides em amostras de sangue.

As descobertas foram publicadas no jornal Proceedings of the National Academy of Sciences.

Fonte: Euronews

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros