Toyama registra aumento acentuado nas exportações de carros usados para a Rússia

Quantidade de carros usados exportados para a Rússia a partir da província de Toyama aumentou de forma acentuada após a invasão à Ucrânia.

Imagem aérea de carros para exportação (ilustrativa/banco de imagens)

O número de carros usados exportados para a Rússia a partir da província de Toyama aumentou de forma acentuada após a invasão do Kremlin à Ucrânia.

Publicidade

De janeiro a outubro deste ano, o número relacionado a exportações foi 1,7 vez maior do que o mesmo período no ano passado, enquanto o valor de exportação foi 3,4 vezes mais alto.

Carros japoneses da alta performance se tornaram cada vez mais populares desde quando montadoras japonesas e europeias suspenderam produção de veículos novos na Rússia.

Muitos carros vêm sendo exportados através do Porto de Fushiki-Toyama, que opera serviços regulares de envio de carga de e para Vladivostok, na Rússia, nos últimos 10 anos.

Behlum Nawab Ali, um cidadão paquistanês de 60 anos que exporta carros usados para a Rússia há cerca de 30 anos em Imizu na província, disse que “Nunca tinha visto tanto pedidos entrarem”.

O volume de exportações, que anteriormente situava-se entre 50 a 100 unidades por mês, saltou para 300 a partir de março deste ano, após o início da invasão russa à Ucrânia. Veículos esportivos utilitários (SUVs) são particularmente populares.

De acordo com a filial da Alfândega de Osaka em Takaoka, cerca de 40.000 a 60.000 unidades foram exportadas da província de Toyama para a Rússia em um ano médio, com o valor variando de ¥25 bilhões a ¥40 bilhões.

Entretanto, de janeiro a outubro deste ano, as exportações aumentaram para 85.521 unidades, com o valor saltando para ¥104 bilhões. Desses veículos, 85.456, avaliados em ¥103,9 bilhões, foram destinados à Rússia.

Cerca de 60% dos carros usados exportados do Japão para a Rússia passam pela província de Toyama.

Fonte: Yomiuri

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Esfaqueado na porta de casa morre

Publicado em 21 de dezembro de 2022, em Crime

Como soou a campainha, o dono da casa foi atender e nesse momento foi esfaqueado. Não resistiu e morreu no hospital.

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros