A rodovia expressa do Japão que passa por dentro de um edifício

O 5º, 6º e 7º andares desse prédio comercial de 16 pisos é ocupado por uma rodovia expressa que passa por dentro dele.

O Gate Tower Building fica no distrito de Fukushima, na província de Osaka (PM)

Um dos edifícios mais curiosos no Japão é o Gate Tower Building localizado no distrito de Fukushima, na província de Osaka.

Publicidade

O 5º, 6º e 7º andares desse edifício comercial de 16 pisos é ocupado por uma via expressa que passa por dentro dele.

No andar do edifício onde fica o painel informativo, no térreo, os locatários para os três andares estão listados como a Hanshin Expressway.

O Gate Tower Building é na verdade resultado de um compromisso incomum entre o dono do terreno e o governo japonês (PM)

As pessoas não têm acesso à essa área, visto que o elevador pula do 4º andar direto para o 8º. Nas laterais foram colocadas janelas iguais aos demais andares, mas só para completar a composição do edifício.

O Gate Tower Building é na verdade resultado de um compromisso incomum entre o dono do terreno e o governo japonês.

O terreno vinha sendo ocupado por uma empresa de processamento de madeira e carvão desde o início da era Meiji, mas a mudança gradual para outras fontes de combustível resultou na deterioração do prédio da empresa.

Em 1983, o redesenvolvimento da área foi decidido, mas permissões para construção foram recusadas porque o desenvolvimento da via expressa já estava sendo planejado para essa região.

Os detentores de direitos de propriedade se recusaram a desistir e negociaram com a corporação Hanshin Expressway por aproximadamente cinco anos para chegar à atual solução.

Saída Umeda que passa por dentro do prédio (Wikimedia/ユニ)

Como resultado de sua aparência única e uso, o prédio também é chamado no Japão de “colmeia“, em parte devido ao seu formato e à intensa atividade de veículos.

Com exceção da invasiva via expressa, os negócios na Gate Tower Building são quase normais. A rodovia expressa não faz contato com o edifício e a estrutura que rodeia a via mantém o barulho e vibração longe.

Embora conhecido como Gate Tower Building, seu nome é TKP Garden City Umeda Osaka, por causa da atual proprietária, a TKP.

  • O 5º, 6º e 7º andares desse edifício comercial em Osaka é ocupado por uma via expressa
  • O prédio também é chamado no Japão de “colmeia”
  • É um dos edifício mais curiosos do Japão
  •  Toque aqui para ver a localização
Fonte: Amusing Planet

+ lidas agora

> >

Vamos Comentar?

--

Choque térmico: risco elevado nos dias de frio intenso

Publicado em 23 de janeiro de 2023, em Saúde, Bem-Estar e Cotidiano

Uma das grandes preocupações com o frio rigoroso é o choque térmico na hora do banho, o qual faz milhares de vítimas fatais por ano.

Homem se banhando (Flickr)

O Japão deverá ter 2 dias – quarta e quinta-feira – com as temperaturas mais baixas deste inverno e nevasca pesada pela primeira vez em 7 anos. 

Publicidade

A previsão indica que mesmo as províncias banhadas pelo Oceano Pacífico terão temperaturas mínimas abaixo de zero, como em Nagoia (Aichi) de -3ºC. Mas em outros locais poderá cair ainda mais, como em Hokuriku, além de Hokkaido e Tohoku.

Essa condição climática coloca as pessoas em risco de choque térmico.

Isso acontece devido à mudança brusca de temperatura externa, o que afeta o corpo. Segundo a Associação de Médicos, a média anual de mortes por choque térmico em todo o país é de cerca de 14 mil vítimas, enquanto estavam no banho. Os maiores números são em janeiro, dezembro e fevereiro, nessa ordem.

Como acontece o choque térmico

Em geral, os banheiros e toaletes ficam no lado norte da casa ou do apartamento, considerado um lado mais frio. Ao entrar no banheiro, a pessoa passa de um ambiente com calefação para um com temperatura bem baixa. Esse contraste repentino causa o choque térmico.

Os vasos sanguíneos se contraem para manter o calor afastado e a pressão sanguínea aumenta. Ao mergulhar na água quente do ofurô, os vasos sanguíneos se expandem e sua pressão arterial cai repentinamente, fazendo com que ela flutue várias vezes.

As flutuações da pressão arterial sobrecarregam o coração e podem levar a um ataque cardíaco ou ao derrame.

O que fazer para evitar o choque térmico

Banheiros devem ser aquecidos antes do banho (Wikimedia)

Não há nada mais relaxante que um bom banho depois de um dia de trabalho. Mas, no inverno, com a temperatura externa muito baixa, há 8 recomendações.

  1. A temperatura da água do banho deve ser programada para até 41ºC
  2. Antes de tirar as roupas, recomenda-se ligar o chuveiro e aquecer o banheiro
  3. Se foi entrar no ofurô que seja de no máximo 10 minutos e, preferencialmente, até a cintura
  4. Se sentir frio nos ombros, pode cobri-los com uma toalha aquecida na água quente
  5. Se tiver ingerido bebida alcoólica deve evitar o banho de ofurô
  6. Jamais saia rapidamente da banheira ou do ofurô. O ideal é sair devagar
  7. Colocar um estrado de madeira ou um tapete bem espesso para não receber a friagem do piso do banheiro nos pés
  8. Evitar se banhar tarde da noite quando a temperatura cai ainda mais

Depois de se vestir normalmente, a recomendação é de colocar um agasalho sobre a roupa ou pijama, mesmo para ficar dentro de casa, se locomovendo de um cômodo a outro.

Outras medidas a serem tomadas antes da nevasca (toque aqui).

Fontes: Yomiuri e Kagoshima Med.

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
ISA - Empregos no Japão
Uninter - JAPÃO - Educação a distância
Life Card - cartão exclusivo para brasileiros